Prova uece 2012

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 42 (10404 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 4 de dezembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIVERSIDADE ESTADUAL DO CEARÁ Comissão Executiva do Vestibular

VESTIBULAR 2013.1
1 a FASE

PROVA DE CONHECIMENTOS GERAIS
APLICAÇÃO: 02 de DEZEMBRO de 2012
DURAÇÃO: 04 HORAS INÍCIO: 09h00min TÉRMINO: 13h00min

Após receber o seu cartão-resposta, copie nos locais apropriados, uma vez com letra cursiva e outra com letra de forma, a seguinte frase:

Perene é a fonte da perseverança.ATENÇÃO!
 Este Caderno de Prova contém 60 (sessenta) questões com 4 (quatro) alternativas cada, distribuídas da seguinte forma: Língua Portuguesa (14 questões: 01-14), Matemática (10 questões: 15-24), História (06 questões: 25-30), Geografia (06 questões: 31-36), Física (06 questões: 37-42), Química (06 questões: 43-48), Biologia (06 questões: 49-54), Língua Estrangeira (06 questões: 55-60).NÚMERO DO GABARITO

Marque no local apropriado do seu cartão-resposta o número 1 que é o número do gabarito deste caderno de prova e que também se encontra indicado no rodapé de cada página.

 

Estão contidas neste caderno de prova as questões das três línguas estrangeiras: Espanhola, Francesa e Inglesa. Você deverá escolher as questões de língua estrangeira, numeradas de 55 a 60, de acordocom sua opção no ato da inscrição.

OUTRAS INFORMAÇÕES PARA A REALIZAÇÃO DESTA PROVA ENCONTRAM-SE NA FOLHA DE INSTRUÇÕES QUE VOCÊ RECEBEU AO INGRESSAR NA SALA DE PROVA.

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO CEARÁ – COMISSÃO EXECUTIVA DO VESTIBULAR VESTIBULAR 2013.1 – PROVA DE CONHECIMENTOS GERAIS – 1a FASE – APLICADA EM 02/12/2012

LÍNGUA PORTUGUESA
TEXTO I 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 1819 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 34 35 36 37 38 39 40 41 42 43 44 45 Também é característico do regime patriarcal o homem fazer da mulher uma criatura tão diferente dele quanto possível. Ele o sexo forte, ela o fraco; ele o sexo nobre, ela o belo. Mas a beleza que se quer da mulher, dentro do sistema patriarcal, é uma beleza meio mórbida. A menina de tipo franzino, quase doente. Ouentão a senhora gorda, mole, caseira, maternal, coxas e nádegas largas. Nada do tipo vigoroso e ágil, aproximando-se da figura do rapaz. Talvez nos motivos psíquicos da preferência por aquele tipo de mulher mole e gorda se encontre mais de uma raiz econômica: principalmente o desejo, dissimulado, é claro, de afastar-se a possível competição da mulher no domínio, econômico e político. À exploração damulher pelo homem, característica de outros tipos de sociedade ou organização social, mas notadamente do tipo patriarcal-agrário — tal como o que dominou longo tempo no Brasil — convém a extrema especialização ou diferenciação dos sexos. Por essa diferenciação exagerada, se justifica o chamado padrão duplo de moralidade, dando ao homem todas as liberdades de gozo físico do amor e limitando o damulher a ir para a cama com o marido, toda santa noite que ele estiver disposto a procriar. O padrão duplo de moralidade característico do sistema patriarcal limita as oportunidades da mulher ao serviço e às artes domésticas. E uma vez por outra, em um tipo de sociedade católica como a brasileira, ao contato com o confessor. Aliás, pode-se atribuir ao confessionário, nas sociedades patriarcais em quese verifique extrema reclusão ou opressão da mulher, função utilíssima de higiene mental, ou melhor, de saneamento mental. Muita mulher brasileira deve se ter salvado da loucura, que parece haver sido mais frequente entre as mulheres das colônias puritanas da América do que entre nós, graças ao confessionário.
Gilberto Freyre. Sobrados e mocambos. Cap. IV. pág. 207-208. Texto adaptado.

02.O primeiro parágrafo do texto (linhas 1-5) é formado de dois períodos. O segundo período, em relação ao primeiro, desempenha mais de uma função discursiva. Dentre essas funções, a única que o segundo período NÃO desempenha é a função de A) B) C) D) explicar. confirmar. exemplificar. condensar.

03.

O início do segundo parágrafo com um “mas” (linha 6) indica uma oposição A) à ideia...
tracking img