Propriedades intensivas – densidade

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1139 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 22 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
RELATÓRIO
Química Geral Experimental I

Propriedades Intensivas – Densidade





















1. Assunto: Propriedades Intensivas – Densidade



2. Objetivo: Determinar a densidade de um metal desconhecido e identificá-lo de acordo com o valor obtido; determinar a densidade da água destilada, do álcool etílico e da glicerina.



3. Introdução:

1.Propriedades Intensivas

As propriedades intensivas são propriedades físicas que não dependem da extensão do sistema, isto é, são independentes do tamanho ou da quantidade de matéria de um dado sistema, como, por exemplo, a densidade.

2. Densidade

A densidade é uma grandeza que expressa a razão entre a massa de um material e o volume por ele ocupado. A densidade, também, é umapropriedade específica de cada material que serve para identificar uma substância.
A unidade de densidade no SI é o quilograma por metro cúbico (kg/m3), embora as unidades mais utilizadas sejam o grama por centímetro cúbico (g/cm3) ou o grama por mililitro (g/mL). Para gases, costuma ser expressa em gramas por litro (g/L). A densidade é inversamente proporcional ao volume, isto significa que quantomenor o volume ocupado por determinada massa, maior será a densidade. Desse modo, vemos que a densidade de cada material depende do volume por ele ocupado. O volume é uma grandeza física que varia com a temperatura e a pressão. Isso significa que, consequentemente, a densidade também dependerá da temperatura e da pressão do material.

4. Materiais:

1. Vidrarias:

– Béquer de vidrocom capacidade de 100 ml
– Proveta de vidro com capacidade de 10,00 ml
– Pissete de Plástico
– Balança Analítica com precisão de 0,0001 g
– Conta-gotas

2. Reagentes:

– Água Destilada - H2O
– Álcool Etílico – C2H5OH
– Glicerina – C3H5(OH)3
– Metal desconhecido







4. Metodologia (Líquidos):


1. Utilizou-se umaproveta de 10 mL para medição de 5 mL de água destilada. Ajustou-se o menisco na proveta adicionando o líquido até o traço de aferição com a ajuda de um conta-gotas para obter uma maior precisão na medida, a proveta foi mantida na altura dos olhos para efetuação de um melhor ajuste do nível da água.

2. Após essa medição, um béquer com capacidade para 100 mL foi posicionado na balança deprecisão analítica e tarado, em seguida os 5mL de água destilada foram colocados dentro do béquer, ainda na balança, e sua massa foi anotada.

3. A água foi descartada na pia do laboratório. Após tais medições, a densidade foi obtida através do cálculo:
Massa do líquido / Volume do líquido.

4. O mesmo esquema de medição foi utilizado para determinar as densidades do etanol e da glicerina. Sóhouve mudança no descarte da glicerina, que foi em um recipiente próprio pra isso.





5. Metodologia (Sólidos):

6.1. Antes de calcular a densidade do metal desconhecido, anotou-se algumas de suas características, como cor e peso aproximado (se o metal era relativamente pesado).

2. Então, pesou-se primeiramente um béquer de 100 mL e tarou-se a balança. A seguir, ometal desconhecido foi adicionado no béquer e anotou-se a massa do mesmo.

3. Depois, em uma proveta de 10,00 mL foi colocado 5 mL de água destilada, levantando-a na altura dos olhos e ajustando menisco no traço de aferição.

4. Inclinando levemente a proveta, colocou-se o metal em seu interior, para evitar que o impacto do metal quebre o vidro.

5.Então, foi feita a leitura do volume final (água e metal), e calculou-se a diferença entre os volumes final e inicial, sendo esta diferença, o volume do metal.

6. Seguindo a fórmula da densidade, dividiu-se a massa do metal pelo seu volume, obtendo assim, a densidade do mesmo.











6. Resultados:

Os cálculos obtidos são demonstrados abaixo, assim como os...
tracking img