Proposta pedagógica

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas: 16 (3818 palavras)
  • Download(s): 0
  • Publicado: 15 de maio de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO

PROGRAMA PROJOVEM CAMPO – SABERES DA TERRA

RONOALDO DE ARAUJO LIMA – PROF. DE MATEMÁTICA E HISTÓRIA

PROPOSTA DIDÁTICO - PEDAGÓGICA

EDUCAÇÃO: CIDADANIA E POLÍTICAS SOCIAIS NO CAMPO

Objetivo geral:
Contribuir para a melhoria da qualidade da educação, a inclusão social e a construção de uma cultura de paz e cidadania.

Objetivos específicos:Promover e ampliar a integração entre escola e comunidade;
Ampliar as oportunidades de acesso a espaços de promoção da cidadania;
Contribuir para a redução das violências na comunidade escolar;
Espera-se, portanto, que o programa terá como resultados o fortalecimento da relação entre a escola e a comunidade escolar, bem como a ampliação das oportunidades de acesso a espaços de promoção dacidadania.

INTRODUÇÃO

A ideia de uma educação básica do campo é a busca por uma educação específica para o campo por meio de novos conteúdos e uma metodologia pedagógica diferenciada a partir da realidade e dos anseios de cada localidade, daí a importância da participação dos atores/as na construção dessa educação formal que não descaracteriza a importância da educação não formal e informa. Naverdade, a educação básica do campo é a tentativa de construir a educação popular a partir dos camponeses/as e de suas memórias coletivas. Quais são as políticas educacionais, os parâmetros curriculares que estão voltados para a realidade do campo? Os documentos oficiais da legislação educacional brasileira alertam: “Adaptar os conteúdos, os calendários e o material didático às condições de vida domeio rural”. O objetivo principal da Conferência foi “recolocar o rural e a educação que a ele se vincula, na agenda política do país”. Talvez o maior desafio deste encontro foi o como “pensar e fazer uma educação vinculada às estratégias de desenvolvimento” para os camponeses de todos os setores culturais. Dessa Conferência surgiu um documento que resume as angústias e as incertezas, mas também, ossonhos e as esperanças de se ter uma educação que respeite a cultura/culturas e a identidade camponesa ou as várias identidades já que o universo camponês implica afirmar a existência de muitas formas culturais.
Arroyo (2001) e Caldart (1997) afirmam que os educadores e educadoras do campo estão em constante movimento buscando fazer acontecer uma educação específica do campo. Mas, encontram-sena contramão da história de uma oligarquia perpétua que se produziu no meio rural deste país. Por isso, os educadores/as ligados em rede a partir das relações existentes com os movimentos sociais do campo, buscam incentivar a recriação de um movimento social e cultural que valoriza a identidade da comunidade. Daí surgem práticas pedagógicas inovadoras que enriquecem o debate e a reflexão do projetoalternativo de uma educação básica, especificamente, do campo. No entanto, muitos professores/as não tem relação alguma com os movimentos sociais. São os professores concursados, funcionários públicos de determinados municípios que possuem um alto grau de desvinculação com o meio socioeconômico dos alunos/as o que impede um processo de intangibilidade, conhecimento e dialeticidade com asrepresentações que se formam na história de cada comunidade.
A proposta de uma educação básica do campo sempre esteve ligada a um projeto popular de educação e desenvolvimento para o país o que permite ampliar o leque de debates acerca dos problemas existentes no meio rural, ou seja, para que lutar por uma educação básica do campo se não há políticas públicas setoriais de combate à exclusão social, aoêxodo rural por parte dos jovens, ao analfabetismo funcional, à agricultura familiar etc.

A EDUCAÇÃO NO CAMPO E CONTEXTOS HISTÓRICOS DE CIDADANIA

Numa sociedade de classes, falar em cultura da paz só faz sentido quando se assume que a violência tem origem na desigualdade social decorrente da má distribuição de renda, que submete a classe popular à marginalização, à exclusão. Assim, o...
tracking img