Propondo soluçoes em projetos de ti

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 23 (5593 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 23 de março de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
O DESAFIO DO SUCESSO EM PROJETOS DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO
André B. BARCAUI, M.Sc. Programa de Engenharia de Produção, Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) (21) 8115-7268, e-mail: barcaui@uol.com.br Tel:

RESUMO
De acordo com estudos recentes realizados pelo Standish Group, o setor de tecnologia da informação apresenta uma taxa relativamente baixa de sucesso em seus projetos. Oobjetivo deste artigo é pesquisar as causas por trás destes índices, moldando o próprio conceito de sucesso segundo diferentes perspectivas e considerando as características singulares do ambiente de tecnologia. Também foi realizado um breve estudo de caso com intuito de subsidiar de maneira empírica a pesquisa e ao mesmo tempo tentar criar uma analogia dos parâmetros de sucesso levantados com aprática de uma empresa brasileira que tem em seu cotidiano a realidade da implantação de diversos projetos de tecnologia da informação. Palavras-chave: Sucesso, Projetos, Tecnologia da Informação, Standish.

ABSTRACT
According to recent studies made by the Standish Group, the information technology segment demonstrates a relatively low rate of success in its projects. The objective of this articleis to investigate the causes behind these rates, modeling the success concept itself according to different perspectives and considering the unique characteristics of the technology environment. A brief study case was also done in order to empirically support the research and at the same time trying to create an analogy of the success parameters that were raised with a real project scenario from aBrazilian company that has on its day-by-day activities the implementation of several information technology projects. Keywords: Success, Projects, Information Technology, Standish.

1.0 INTRODUÇÃO
O setor de tecnologia da informação (TI) apresenta historicamente uma grande desvantagem em relação a segmentos mais maduros da nossa economia. Por exemplo, um dos setores que há mais tempo trabalhade maneira formal e organizada gerência de projetos é o da construção civil, onde é muito comum que empreendimentos aconteçam dentro do prazo previsto, dentro do orçamento e que não desmoronem após sua conclusão. Uma das razões conhecidas por trás deste fato é em função do tempo que é gasto com detalhes do desenho do empreendimento antes de sua construção. O desenho tem que ficar estável emdeterminado momento para que possa ser construído. A flexibilidade para mudanças, apesar de reconhecidamente existir, é menor durante seu desenvolvimento. Quando nos voltamos para projetos de tecnologia da informação essa lógica não é necessariamente a mesma. Até em função das constantes mudanças que o ambiente de negócios impõe a realidade das corporações e a velocidade da evolução que TI teve queapresentar para acomodar estas mudanças de uma forma mais flexível. Não existe outro setor que tenha se desenvolvido e evoluído tanto e em um ritmo tão devastador quanto o de tecnologia (IEEE, 2001). E particularmente quando nos referimos ao desenvolvimento de software esta evolução frenética teria que apresentar conseqüências, principalmente no que diz respeito à taxa de sucesso em projetos.

Taxade Sucesso em Projetos de TI

Sucesso 34%

Falha 15%

C/Problemas 51%

Figura 1. Taxa de Sucesso em Projetos de TI. Fonte: Adaptado do CHAOS Chronicles v.3 do Standish Group, 2003 – pág. 215. De acordo com a chamada “Crônica do CHAOS” v.3 do Standish Group a taxa de sucesso em projetos de tecnologia da informação ainda é baixa. De 600.000 projetos analisados, apenas 34% dos iniciadosobtiveram sucesso entre os anos de 2001 e 2003. Uma melhoria de 100% em relação ao mesmo relatório em sua versão anterior, mas ainda considerada insuficiente em função do total de projetos da amostragem. Na mesma pesquisa, ainda mais da metade dos projetos estavam de alguma forma apresentando problemas ligados a prazo, escopo ou orçamento, conforme pode ser observado na figura 1.

2

Se...