Projetos

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 9 (2201 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 29 de junho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
MÓDULO 4

APLICAÇÃO
Engº Rubens Curti

CONCRETAGEM
Definir equipe

Transporte Lançamento Adensamento Acabamento Cura

Curso Intensivo de Tecnologia Básica do Concreto

2

DEFINIÇÃO DE EQUIPES

Quantas pessoas são necessárias?
Curso Intensivo de Tecnologia Básica do Concreto

3

EQUIPE - PILAR COM BOMBA

E=5 MUD. TUBULAÇÃO - 3 ESPALHAMENTO - 1 VIBRADOR - 1

CursoIntensivo de Tecnologia Básica do Concreto

4

EQUIPE - PILAR COM ELEVADOR

E=8 TRANSPORTE - 5 ACABAMENTO - 1 VIBRADOR - 1 AJUDANTE GERAL - 1

Curso Intensivo de Tecnologia Básica do Concreto

5

EQUIPE - PILAR COM GRUA
E=4 ABRINDO CAÇAMBA -1

ESPALHAMENTO - 1 ENCHENDO CAÇAMBA 1 VIBRADOR - 1

Curso Intensivo de Tecnologia Básica do Concreto

6

EQUIPE - LAJE+VIGA COM BOMBA
E =11 TUBULAÇÃO - 3 LANÇ/ESPALH - 3 ACABAMENTO - 3 VIBRADOR - 2

Curso Intensivo de Tecnologia Básica do Concreto

7

EQUIPE LAJE+VIGA COM ELEVADOR
E = 14 TRANSPORTE - 6 ESPALHAMENTO - 2 ACABAMENTO - 3 VIBRADOR - 2 AJUDANTE GERAL - 1

Curso Intensivo de Tecnologia Básica do Concreto

8

EQUIPE LAJE+VIGA COM GRUA
E=8 CAÇAMBA - 1 ESPALHAMENTO - 2 ACABAMENTO - 3 VIBRADOR - 2

CursoIntensivo de Tecnologia Básica do Concreto

9

EQUIPE - LAJE COM ELEVADOR

E = 10 TRANSPORTE - 6 ESPAL/DESEMP. - 1 SARRAFEAMENTO - 1 VIBRADOR - 2

Curso Intensivo de Tecnologia Básica do Concreto

10

TRANSPORTE

Que sistema de transporte utilizar?
Curso Intensivo de Tecnologia Básica do Concreto

11

TRANSPORTE

Transporte Carrinho de mão

Capacidade

CaracterísticasImprodutivo

< 80 l

Uma roda!dificuldade de equilíbrio Evolução do carrinho de mão

Gerica

110 a 180 l

Facilita a movimentação horizontal Movimentação horizontal e vertical

Grua e caçamba

350 a 500 l

Abastecimento descontinuado Libera elevador Continuidade no fluxo

Bomba

7 a 40

m3/h

Reduz mão-de-obra

Curso Intensivo de Tecnologia Básica do Concreto

12 TRANSPORTE
Grau de racionalização

Alto Bombas de concreto Grua Médio Elevador de carga gerica Baixo Carrinho de mão
Grau de mobilidade

Curso Intensivo de Tecnologia Básica do Concreto

13

TRANSPORTE
Elevador + gericas
• Pior produtividade • Necessita de mais mãode-obra

Quando utilizar?
• A obra não tem grua • Dificuldade de acesso da bomba de concreto • Pequeno volume de concretagemCurso Intensivo de Tecnologia Básica do Concreto

14

TRANSPORTE
Sistema de transporte: elevador + gericas

Velocidade de concretagem

1

o

30

o

7,7 m3/h
Curso Intensivo de Tecnologia Básica do Concreto

2,5 m3/h
15

TRANSPORTE
Grua
• Necessidade de duas caçambas • Mais eficiente que bombeamento em concretagem de pilares e vigas

Quando utilizar?
• Obras quepossuam gruas para o uso com diversos serviços

Curso Intensivo de Tecnologia Básica do Concreto

16

TRANSPORTE
Sistema de transporte: grua

Velocidade de concretagem

1

o

30

o

13,6 m3/h

3,8 m3/h

Curso Intensivo de Tecnologia Básica do Concreto

17

TRANSPORTE
Elevador ou grua?
Velocidade (m3/hora) 15

12 9 6 3 0 1 5 9 13 17 21 Pavimentos
18

Elevador GruaCurso Intensivo de Tecnologia Básica do Concreto

TRANSPORTE
Bombeamento
• Utiliza pouca mão-de-obra • Necessidade de duas frentes de trabalho – espalhamento e adensamento • Produtivo em concretagem de lajes

Quando utilizar? • Facilidade de acesso da bomba • Garantia de fornecimento constante de caminhões • Grandes volumes de concretagem
Curso Intensivo de Tecnologia Básica do Concreto19

TRANSPORTE
Sistema de transporte: bomba

Velocidade de concretagem

7,0 a 40,0 m3/h

f=

peça concretada equipe envolvida vibração sistema fôrma

Curso Intensivo de Tecnologia Básica do Concreto

20

TRANSPORTE Molhar a fôrma previamente

Curso Intensivo de Tecnologia Básica do Concreto

21

LANÇAMENTO

Tomando o cuidado para não acumular água no fundo da fôrma...
tracking img