Projeto homofobia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1344 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 19 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
[pic]




































ANILMA MARIA PEREIRA
















PRODUÇÃO TEXTUAL INTERDISCIPLINAR EM GRUPO:
PROJETO: CAMPANHA DE COMBATE A DISCRIMINAÇÃO E PRECONCEITO CONTRA A HOMOFOBIA NA ESCOLA



TRABALHO APRESENTADO ÀS DISCIPLINAS: O TRABALHO DO PEDAGOGO NOS ESPAÇOS EDUCATIVOS; COMUNICAÇÃOE LINGUAGEM; PSICOLOGIA DA EDUCAÇÃO LL; EDUCAÇÃO E DIVERSIDADE: RELAÇÕES ÉTINICO-RACIAIS... DA UNIVERSIDADE NORTE DO PARANÁ - UNOPAR


Prof: Vilze Vidotti Costa; Lilian Salete Alonso; Carlos Eduardo Gonçalves; Fábio Luiz da Silva







1 INTRODUÇÃO

Pesquisa da Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade da Universidade deSão Paulo (FEA-USP) de 2009 apontou que nas escolas públicas brasileiras, 87% da comunidade - sejam alunos, pais, professores ou servidores - têm algum grau de preconceito contra homossexuais. O levantamento foi realizado com base em entrevistas feitas com 18,5 mil alunos, pais, professores, diretores e funcionários de 501 unidades de ensino de todo o país.
Para Toni Reis,presidente da ABGLT, todos esses diagnósticos reforçam a necessidade urgente de trabalhar a temática nas salas de aula. A grande consequência desse problema - e a mais grave - é a evasão escolar. Eles acabam desistindo de estudar porque quando você é rejeitado pela sala de aula, não tem incentivo.
Há uma invisibilidade dentro das escolas por causa do preconceito e o primeiro erro é nãoreconhecer essa diversidade. A escola está enfrentando diversas formas de violência e perdida, sem saber o que fazer, quando ela é na verdade um espaço privilegiado de promoção dos direitos, os professores não sabem como tratar o tema, seja porque não receberam formação adequada ou mesmo por falta de informação sobre o assunto.
Esse projeto é acima de tudo cidadania. A realidadeé muito cruel, e é jogada todos os dias para debaixo do tapete. Pesquisas apontam que o preconceito no âmbito escolar, é um dos possíveis motivos pelo qual parcela expressiva dos alunos homossexuais desiste de ir à escola; afinal, lá eles são rejeitados, vítimas de piadas, de humilhações e até de agressões físicas.




















2 desenvolvimento

Projeto: Campanhaescola sem homofobia
Duração: todo o ano letivo
Justificativa:
O objetivo da campanha é promover a cidadania de gays, lésbicas, travestis, transexuais e bissexuais, a partir da equiparação de direitos e do combate à violência e à discriminação homofóbicas, respeitando a especificidade de cada um desses grupos populacionais.
Para atingir tal objetivo, a campanha irápromover diversas ações voltadas para o apoio que visa contribuir para a implantação e a efetivação de ações que promovam ambientes políticos e sociais favoráveis à garantia dos direitos humanos e da respeitabilidade das orientações sexuais e identidade de gênero no âmbito escolar. Essa contribuição se traduz em subsídios para a incorporação e a institucionalização de programas de enfrentamento àhomo/lesbo/transfobia na escola.
Pretendemos elaborar políticas públicas voltadas para o combate à violência e à discriminação por orientação sexual.

Objetivo Geral:
O objetivo com o projeto é o de sensibilizar e capacitar professores e alunos no que diz respeito ao direito dos cidadãos de exercerem sua sexualidade sem serem discriminados ou coagidosConhecer a percepção das autoridades educacionais, equipe docente, e estudantes do ensino fundamental da escola, sobre a situação da homofobia no ambiente escolar, para dar subsídios a escola para acabar ou amenizar as situações de preconceito.

Objetivos Específicos:

1. Descrever o conhecimento, atitudes e práticas de educadores e estudantes do ensino...
tracking img