Projeto de

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 9 (2112 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 9 de junho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
SISTEMA DE ENSINO PRESENCIAL CONECTADO
SERVIÇO SOCIAL


ADRIANA VICENTE ARAUJO CABRAL










RESGATE HISTÓRICO DA POLÍTICA DE ASSISTÊNCIA SOCIAL E A COSNTRUÇÃO DO ARCABOUÇO LEGAL

















Rio Verde
2012










ADRIANA VICENTE ARAUJO CABRALRESGATE HISTÓRICO DA POLITICA DE ASSISTENCIA SOCIAL E A COSNTRUÇÃO DO ARCABOUÇO LEGAL







Trabalho apresentado ao Curso Serviço Social da UNOPAR - Universidade Norte do Paraná, para as disciplinas:Oficina de Formação: projeto de Intervenção, A realidade Regional e o Serviço social, Familia, Cultura e Sociedade, Politica Social II e Estagio Curricular Obrigatório IIProfessora : Amanda Boza Gonçalves, Clarice da Luz Kernamp, Maria Angela Santini, Maria lucimar Pereira, Rosane Aparecida Malvezzi Belieiiro.










Rio Verde
2012


INTRODUÇÃO


Neste trabalho, serão abordados serão os seguintes assuntos Lei Orgânicos da Assistência Social- LOAS, que atua como garantia dos direitos, houve um amplo reconhecimento do estado, pela a luta dasociedade brasileira pelos benefícios e para seu próprio crescimento.
O Sistema Único de Assistência Social possibilitará normas dos padrões nos serviços e realizará objetivos e com resultados inspirados nos direitos da cidadania e inclusão social.
A Politica de Assistência Social apresenta uma compreensão na analise de politicas publicas, considerando uma agenda politica e sua expansão.
ATipificação Nacional de Serviços Socioassistenciais padroniza os serviços ofertando ordenando suas funções.











DESENVOLVIMENTO

Lei Orgânica de Assistência Social-LOAS

A Assistência Social, direito do cidadão e dever do estado, politica de Seguridade Social não contributiva,que prove os mínimos sociais, que é realizada através de um conjunto integrado de ações e iniciativas publica e da sociedade.
A LOAS preconiza a questão da politica e a organização das ações que devem ser articuladas em um sistema descentralizado e participativo, organizado em três níveis de estado governamental. Com um período de crise da sociedade brasileira, trouxe a reinserção da classetrabalhadora em relação a lutas sociais no Serviço social, em que se evidenciou o código de Ética de 1986, logo depois aprofundou a questão do projeto ético politico profissional dos Assistentes Sociais.
São vários os objetivos da LOAS, como proteção a família, a maternidade , a infância e adolescência e a velhice, a promoção ao mercado de trabalho, garantia de um salario mínimo de beneficiomensal a pessoa portadora de deficiência e idoso que não possui meios da sua própria manutenção considerando que existem vários objetivos a fim de garantir condições e direitos sociais.
Implantaram vários artigos de acordo com a LOAS, que compete a União aos Estados, ao Distrito federal, aos Municípios e ao Conselho nacional, como prestar os serviços assistenciais cujo custo ou ausência da demandamunicipal, justificando os serviços; efetuar o pagamento dos auxílios natalidade e funeral; atender as ações assistenciais de caráter de emergência, aprovar a Politica nacional de Assistência Social, fixar normas par a concessão de registros certificados das entidades.
Também compete ao órgão da Administração publica federal, coordenar e articular as ações no campo da Assistência Social, proverrecursos para pagamento dos benefícios, coordenar e manter atualizado o sistema de cadastro de entidades e organização de assistência social, os benefícios da prestação continuada e a garantia de uma salario mínimo mensal a pessoa portadora da deficiência e ao idoso.
POLITICA NACIONAL DE ASSISTENCIA SOCIAL
A Politica Nacional na perspectiva do SUAS ressalta o campo de informação ,...
tracking img