Projeto de psicologia jogos

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 10 (2498 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 1 de julho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Universidade Estadual de Maringá
Departamento de Teoria e Prática da Educação
Disciplina: Psicologia da Educação e os Processos de Desenvolvimento e de Aprendizagem
Professoras: Solange F. R. Yaaegashi, Janira Siqueira Camargo e Eliane Rose Maio
Acadêmicas: Cristina Maria Diniz
Renata Aparecida da Silva Raymundo
Silvania Pinto Campo Meschial
Vanice Roberti Moro






SEGUNDAAVALIAÇÃO













MARINGÁ
2012



SUMÁRIO



1 - INTRODUÇÃO 3
2 - DESENVOLVIMENTO DA ATIVIDADE DESENVOLVIDA 5
3 - ANÁLISE DA ATIVIDADE REALIZADA 7
4 - CONSIDERAÇÕES FINAIS 10
5 - REFERÊNCIAS 12
























1 INTRODUÇÃO


Faz-se relevante enfatizar que a leitura e a escrita se torna muito importante, visto que hoje nossasociedade está basicamente ligada a leitura e escrita e as crianças já convivem nesse mundo desde cedo. Segundo Magda Soares pode constatar que a visão de mundo esta mudando, as pessoas, já está atenta, com relação ao hábito e a importância do ato de ler, o meio, cobra e exclui os que não se adéquam ao contexto.
Refletir sobre o papel social da leitura está intimamente ligado ao conhecimento quetemos de mundo, ou, seja a valorização do conhecimento que cada ser possui sobre um determinado assunto, já na escrita este conhecimento se torna restrito, pois o mecanismo que nos leva à escrita depende de uma série de fatores, o mais importante deles é a inserção na vida escolar, este é o determinante que faz com que o conhecimento de mundo que o individuo possui se concretize na escrita. Aleitura é o “carro chefe”, pois é através dela que nos tornamos seres capacitados ao convívio social, saber como agir diante de uma determinada situação, saber respeitar e absorver o conhecimento do outro é conhecer direitos e deveres e com este ter condições de cobrar, argumentar e até mesmo exigir melhorias.
O desenvolvimento do processo de aprendizagem se da basicamente com muito esforço emuitas tentativas de fazer o aluno interagir com a linguagem oral e escrita. Muitas são as dificuldades que permeiam esse mundo, pois cada aluno aprende de um jeito. É importante para o educador observar e estar atentos aos diversos fatores que interferem na aprendizagem do aluno: carências afetivas, deficientes condições habitacionais, sanitárias, de higiene e de nutrição, privações lúdicas,psicomotoras, simbólica e cultural, ambientes repressivos, relações interfamiliares, métodos de ensino impróprios e inadequados. Dentro a estrutura familiar, nem todos os alunos pertencem a famílias, com recursos suficientes para uma vida digna. Normalmente, verificam-se situações diversas: os pais estão separados e o aluno vive com um deles: o aluno é órfão; o aluno vive num lar desunido; o alunovive com algum parente; etc. Muitas vezes essas situações trazem obstáculos à aprendizagem, não oferecem à criança um mínimo de recursos materiais, de carinho, compreensão e amor.
Dentro da escola existem, entre outros, quatro fatores que podem afetar aprendizagem: o professor, a relação entre os alunos, os métodos de ensino e o ambiente escolar.
A relação entre os alunos seráinfluenciada pela relação que o professor estabelece com os alunos: um professor dominador e autoritário estimula os alunos a assumirem comportamentos de dominação e autoritarismo em relação a seus colegas. Para aprender, o aluno precisa de um ambiente de confiança, respeito e colaboração com os colegas. Pain (1985).
Temos exemplos, de pessoas que se dizem ou se intitulam analfabetas não sabemler e escrever fluentemente que possuem uma visão de mundo e uma forma de interpretá-lo muito mais aguçada do que as que recebem titulação, é claro que esta situação é uma exceção, não faz parte da regra geral, não podemos pegar esses exemplos como vantajosos, alias não e vantagem nenhuma não saber ler e escreve fluentemente, pelo contrario, se as oportunidades fluíssem para todos, com certeza...
tracking img