Projeto de pesquisa

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1140 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 24 de junho de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIVERSIDADE FEDERAL DO MATO GROSSO DO SUL
PEDAGOGIA

INCLUSÃO DAS CRIANÇAS PORTADORES DA SÍNDROME
DE DOWN NAS ESCOLAS REGULARES

Ana Paula da Silva Azevedo
Claudemir Ternovoe Ruiz

naviraí-MS
2009
Ana Paula da Silva Azevedo
Claudemir Ternovoe Ruiz

INCLUSÃO DAS CRIANÇAS PORTADORES DA SÍNDROME
DE DOWN NAS ESCOLAS REGULARES

Pré-Projeto apresentadopara a Disciplina de Trabalho Acadêmico no Curso de Pedagogia da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul.

Orientadora: Profª Ma. Otacília M. Wingeter.

NAVIRAÍ-MS
2009
SUMÁRIO

|1 INTRODUÇÃO........................................................................... |04 |
|2OBJETIVOS............................................................................... |05 |
|3 JUSTIFICATIVA......................................................................... |06 |
|4 PROBLEMA................................................................................. |07 |
|5HIPÓTESE................................................................................. |07 |
|6 REVISÃO DE LITERATURA........................................................ |08 |
|7 MÉTODOS E MATERIAIS.......................................................... |10|
|8 CRONOGRAMA.......................................................................... |11 |
|9 REFERÊNCIA............................................................................ |12 |

1. INTRODUÇÃO

O ensino escolar é dividido em especial e regular, pois é com base nessas avaliações,entre outras, que um aluno é considerado apto ou não apto para frequentar uma dessas modalidades de ensino.
As perspectivas de interação, desenvolvimento e aprendizagem das crianças portadoras da síndrome de Down, nas classes comuns da escola regular.
A síndrome de Down não é uma doença e sim uma ocorrência genética natural, presente no mundo inteiro, por motivos ainda desconhecidos,durante a gestação as células do embrião são formadas com 47 cromossomos em vez dos 46 que se formam normalmente, em decorrência dessa alteração genética, esse educando vai apresentar um ritmo mais lento na aprendizagem.

2. OBJETIVOS

O principal objetivo deste trabalho de pesquisa é descobrir a capacidade intelectual da criança com síndrome de down, condições de acompanhar os avanços dosdemais colegas, serão avaliados pelos progressos, nas diferentes áreas do conhecimento, a partir de seus talentos, habilidades naturais e na compreensão de um dado conhecimento.
O preparo dos professores para lidar com essas dificuldades de aprendizagem. Apresentando para os educadores e as famílias, a capacidade que cada criança portadora tem de aprender além das suas limitações; criar nas famíliaso senso comprometimento e responsabilidade em relação à educação das crianças.

3. JUSTIFICATIVA

Muitos questionamentos estão sendo feitos quanto a inclusão de crianças portadoras da síndrome de Down em escolas regulares no Brasil, principalmente no que condiz às séries iniciais. Em meios a ampla gama de possibilidades de estudo para alunos com síndrome de Down, desde o ensino emescolas especiais para a integração nas escolas regulares. Os métodos que fazem a integração social na sala de aula é geralmente benéfica para as crianças com síndrome de Down. A partir do momento em que um menino ou uma menina com síndrome de Down é incorporado em uma escola regular deve responder às suas necessidades educativas e os professores são responsáveis por responder a essa demanda, embora...
tracking img