Projeto de pesquisa 2 depència química

Universidade do Vale do Rio dos Sinos – UNISINOS
Curso de Serviço Social
Disciplina Pesquisa I em Serviço Social
Prof.Rosangela Barbiani
Aluno:Rodrigo Sica
Data: 17/06/10

Tema: O trabalho infantil e a realidade.
Delimitação: O trabalho infantil inserido no contexto dos moradores da Vila Asa Branca.
Problema

O trabalho infantil e suas conseqüências no desenvolvimento integral dacriança.
Quais os principais determinantes sociais do trabalho infantil na Vila Asa Branca no bairro Sarandi em Porto Alegre, e como estes determinantes influenciam o desenvolvimento integral das crianças?

Objetivo Geral

Analisar o contexto socio-econômico ,das famílias da Vila Asa Branca do bairro Sarandi na zona norte de Porto Alegre, que colocam seus filhos a trabalhar. Afim de proporpolíticas públicas que possam da melhor forma possível inserir estas famílias em programas existentes.

Objetivos Específicos

* Conhecer o contexto cultural das famílias que “colocam” seus filhos no trabalho.
* Identificar os problemas específicos que levam os pais a colocarem seus filhos no trabalho e suas conseqüências.
* Compreender os motivos contextuais ( social, econômico, cultural...) dasfamílias da Vila Asa Branca que expõem seus filhos ao trabalho infantil.




Questões Norteadoras

*O que é trabalho infantil?
*Qual é o contexto social das famílias da Asa Branca?
* Quais são os problemas específicos que as famílias da Asa Branca enfrentam a nível contextual ( social, econômico, cultural...)?
* De que forma o trabalho infantil interfere e prejudica o desenvolvimento dacriança no seu processo de maturação.
Metodologia

Esta pesquisa será realizada buscando explicitar o contexto geral das famílias da Vila Asa Branca, em concomitância com o trabalho infantil, através de pesquisa qualitativa a qual envolve a obtenção de dados descritivos resultantes do contato direto do pesquisador com a situação estudada.
A Asa Branca é uma vila situada na região norte de PortoAlegre localizada no bairro Sarandi. Possui em média 900 famílias de baixíssima renda que residem de forma irregular.
No processo de amostragem serão entrevistadas as famílias participantes do Programa de Erradicação do Trabalho infantil-PETI, onde serão colhidas amostras intencionais através das informações trazidas pelos entrevistados em sua singularidade a qual reflete a situação do grupo deforma geral.
A análise dos dados será realizada a partir das contribuições de Minayo( 1994), de acordo com a metodologia qualitativa, na perspectiva dialética adotada por este projeto. Os dados serão processados seguindo as fases de ordenação, classificação( construção de categorias gerais e específicas) e análise final.
A opção do paradigma teórico-metodológico foi a abordagem crítico-dialética ,com a finalidade de compreender a totalidade do fenômeno em questão de estudo e pesquisa.
Entende-se a visão dialética a integração das relações públicas com o trabalho dentro do contexto social inserido.
A pesquisa é de caráter exploratório e descritivo onde não existem verdades absolutas nem resultados previstos. A realidade (diante da perspectiva dialética) transformada resulta em produçãode conhecimento.
O processo de reflexão da ação e teoria (práxis) é o critério de verdade da dialética.
É uma pesquisa qualitativa a qual se utilizará de levantamentos documentais e bibliograficos (de fontes variadas).

Justificativa
A problemática do trabalho infantil é um fator de suma importância a ser discutido, no Brasil são mais de 5 milhões de crianças e adolescentes que trabalham,ainda que exista a lei que proíbe o trabalho infantil, menor que 16 anos de idade. ( Wikipédia, a enciclopédia livre.)
A realidade é que não é preciso se estudar dados de pesquisa para deparar-se com esta triste e deplorável situação. Basta que qualquer cidadão brasileiro sair de sua casa em rumo ao seu trabalho que, talvez, na primeira sinaleira verá uma criança pedinte oferecendo lixa de unha,...
tracking img