Projeto de paisagismo adaptado para o colégio estadual homero baptista de barros

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 14 (3473 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 22 de julho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
COLÉGIO ESTADUAL HOMERO BAPTISTA DE BARROS

ALDINY PAULA DE GODOY

PROJETO DE PAISAGISMO

CTBA/2011

ALDINY PAULA DE GODOY

PAISAGISMO E SUAS APLICAÇÕES NO COLÉGIO

Projeto de Paisagismo apresentado ao Curso técnico em meio ambiente do Colégio Estadual Homero Baptista de Barros como requisito parcial para revitalização de um espaço interno.

CTBA/2011
SUMÁRIO-TÁ ERRADO,IMPRIMIR OQ TÁ JUNTO COM A CAPA

1- INTRODUÇÃO 4
2- OBJETIVOS 7
2.1- Objetivo geral 7
2.2- Objetivos Específicos 7
3- JUSTIFICATIVA 9
4- FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA 10
5- METODOLOGIA 16
6- CRONOGRAMA DA PESQUISA 18
REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS 19
ANEXOS 21
ANEXO A- Exemplo de paisagismo utilizando a técnica dos seixos 21
ANEXO B- Modelo de canteiro confeccionado com garrafas PET 22
ANEXO C-Canteiro com garrafa PET colorida 23
ANEXO D- Mosaico com tampas de garrafa PET 24
ANEXO E- Sugestão de plantas: Maria sem vergonha (Impatiens walleriana) 26
ANEXO F- Sugestão de plantas: Confetes (Hypoestes phyllostachya) 27
ANEXO G- Espaço a ser revitalizado com a aplicação do projeto paisagístico 28
ANEXO H- Parte direita do local a ser revitalizado, após a remoção dos galhos. 29
ANEXOI- Parte esquerda do local a ser revitalizado,após a remoção dos galhos. 30
ANEXO J- Esboço do Projeto 31
ANEXO K- O uso de Pneus no jardim 32

1- INTRODUÇÃO

Espaço urbano e natureza

Hoje as áreas verdes se tornaram uma referência em defesa do meio ambiente e a sua degradação, atualmente os espaços verdes estão sendo tomados pelos centros urbanos. A urbanização está cada vez maiscomplexa, ou seja, o espaço urbano tende a se expandir cada vez mais e A relação cidade e natureza, com o crescimento da urbanização vai se tornando cada vez menor, e a degradação e a má conservação de espaços se fazem mais comuns. “Para voltar a nos sentirmos donos de nós mesmos, sem dúvida teremos de começar por nos sentirmos donos da paisagem e por reestruturá-la em seu conjunto”. MUNFORD(1965).
As áreas verdes desempenham importantes funções sua contribuição à estabilização climática, diminuindo as oscilações térmicas, reduzindo localmente as temperaturas, resistindo aos ventos, fixando poeiras e oxigenando o ar [...]. OLIVETA (2008).
As pressões exercidas pela concentração da população e de atividades geradas pela urbanização e industrialização, concorrem para acentuar asmodificações do meio ambiente, com o comprometimento da qualidade de vida. MONTEIRO (1987).

Tendo em vista tais afirmações dos autores citados precisamos fazer uma defesa forte do uso do espaço urbano considerando, realmente, a natureza integrada na cidade, que assim se humaniza e caracteriza, pois se percebe nitidamente que o verde urbano vem se perdendo em função da constante pressão que os espaçosnaturais sofrem com o crescimento da população e da urbanização destas áreas. A vegetação tem um papel importante nos centros urbanos pelas suas funções ecológicas, econômicas e sociais, contribuindo com a melhoria das condições ambientais das cidades.

Proteger as áreas verdes requer, além da formação e recuperação de espaços, a conservação e preservação dessas áreas. Aumentar econservar as áreas verdes são diminuir os efeitos da poluição do ar e sonora; é amenizar a temperatura; é introduzir vida e beleza; é proporcionar lazer e conforto; é socializar espaços e, sobretudo, é resgatar e assegurar o contato homem-natureza.
A preservação do verde urbano não passa pela tentativa de mantê-lo intocável, mas pelo seu uso e aproveitamento bem organizado e compatível.
A nãoutilização do espaço verde urbano com consciência é de extrema vulnerabilidade a um uso inadequado e o transforma muitas vezes em espaço vazadouro de lixo e entulho.
Esta crescente preocupação com os impactos de urbanização sobre o meio ambiente tem freqüentemente levado à percepção de que cidade e natureza situam-se em algumas situações em campos antagônicos. É na demonstração de que espaços...
tracking img