Projeto de intervenção

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 20 (4823 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 28 de março de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA
FACULDADE DE EDUCAÇÃO
PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO
ESPECIALIZAÇÃO LATO SENSU EM GESTÃO ESCOLAR

SHEILA MORENO REIS

AS RELAÇÕES INTERPESSOAIS NO AMBIENTE ESCOLAR

Salvador
2010
SHEILA MORENO REIS

AS RELAÇÕES INTERPESSOAIS

Projeto de Intervenção apresentado à Universidade Federal da Bahia, como requisito parcial àobtenção do grau de Especialista em Gestão Escolar.

Orientador (a): Profa Msc. Camila Figueiredo

Salvador
2010
SUMÁRIO

1. Introdução 3

2. Caracterização da escola 4

2.1. estrutura organizacional da escola 5
2.2. estrutura física da escola 9
2.3. perfil dos estudantes 11
2.4. Perfil da comunidade de entorno 11
2.5. conselho escolar 12
2.6. ppp 122.6.1. Missão 13
2.6.2. Visão 13
2.6.3. Valores 14
2.6.4. Objetivos e metas 14
2.7. A Escola hoje 15

3. Dados norteadores da pesquisa 16

3.1. Situação problema 16
3.2. Objetivo da intervenção 16
3.2.1. Objetivo geral 16
3.2.2. Objetivos específicos 16
3.3. Justificativa 17
3.4. Fundamentação teórica 17
3.5. Metodologia de trabalho 19
Referências 22

IntroduçãoSabemos que nas ultimas décadas a educação tem sido objeto especial de atenção, e profundas mudanças ocorreram nas escolas brasileiras, nas condições de vida e de trabalho do profissional de educação, bem como nas relações escola sociedade. Também é notório que nessa fase de transformações constantes e velozes tem se gerados conflitos, descontroles, insegurança entre os profissionais das maisdiversas áreas do conhecimento quem vem refletindo no ambiente escolar e provocando sérios danos. No ambiente escolar o reflexo mais relevante tem se manifestado na qualidade das relações interpessoais, elevando a baixa estima do professor e o fracasso escolar do aluno, revelado nas taxas de evasão e repetência.
Neste contexto, as unidades escolares passaram a ser alvo de ações com vistasà valorização e melhoria do trabalho executado e de seus resultados, bem como, do ambiente e das relações interpessoais. Abriu-se ao longo desses anos o encaminhamento de alternativas para mudanças na forma de gerir, ensinar e de aprender, cujas ações tem se caracterizado pela adoção de uma perspectiva burocrática da instituição, e também, de atitudes voltadas ao segmento humano, da qual ela éformada, e das relações sociais que ela encerra.
O presente projeto é, pois uma tentativa de se buscar no interior de uma unidade escolar da rede municipal de ensino do Salvador informações, idéias e sugestões que possam proporcionar a análise da organização em seu ambiente, descobrindo as origens das deficiências que impossibilitam um clima escolar saudável, bem como retratar o estado desatisfação e/ou insatisfação dos corpos diretivo, docente, discente, dos funcionários e das demais pessoas que com eles interagem.
Além disso, o projeto sugere um diálogo com teóricos que tratam da temática, apresentando-se como um instrumento voltado para quatro eixos de ação: observar, perceber, refletir e avaliar. Ele apresenta uma forma de colecionar dados e diante deles assumir umapostura reflexiva e crítica, à luz do conhecimento de vários estudiosos com vistas à implementação de um estudo que possibilite a busca de respostas à problemática que impomos.

Caracterização da escola

A Escola Municipal Hildete Bahia de Souza é uma instituição pública de educação da Rede Municipal de ensino da cidade do Salvador. Oferece Ensino Fundamental (1º ao 9º ano) e SEJA (Educaçãode Jovens e Adultos). Está localizada à Rua Botuporã, nº 317, Chácara Perseverança, quadra 2, Pernambués.
Foi inaugurada em maio de 1978, Magalhães, inicialmente oferecendo o Ensino Fundamental de 1ª a 4ª Série. Somente em dezembro de 1986, por reivindicação da comunidade, passou por ampliação para atender o segmento de 5ª a 8ª série. Nessa época o governo da Bahia era exercido pelo Sr. João...
tracking img