Projeto bem estar animal

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1448 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 31 de janeiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS























BEM-ESTAR ANIMAL NA SUÍNOCULTURA, FAZENDO USO DE CAMA SOBREPOSTA















LAVRAS-MG

2012

TACIANY CRISTINA MESSIAS



















BEM-ESTAR ANIMAL NA SUÍNOCULTURA, FAZENDO USO DE CAMA SOBREPOSTAPré-projeto apresentado ao PET – Zootecnia, como requisito parcial para processo de seleção de bolsistas.







LAVRAS-MG

2012

1) INTRODUÇÃO

A cada ano, bilhões de animais são criados no mundo para nos fornecer alimentos. Muitos destes vivem em condições precárias, abaixo dos níveis do bem-estar animal e esse manejo inadequado pode causar fatores prejudiciais ao animal como estresse,sofrimento dentre outros que podem afetar a qualidade da carne, a cor, o ph, a consistência, etc. Mesmo com tantos problemas a criação destes animais continua crescendo.
De acordo com Molento, C.F. M et. al. (2004) não há uma definição objetiva para bem-estar e sim sendo definido de forma que pode ser relacionados com certos conceitos, como: necessidades, liberdades, felicidade, adaptação,controle, capacidade de previsão, sentimentos, sofrimento, dor, ansiedade, medo, tédio, estresse e saúde. A falta ou excesso desses elementos podem trazer ao animal consequências negativas, afetando na sua produção, como a perda de peso, aumento de mortalidade, baixa qualidade de carne, entre outras. Logo, isso causaria um prejuízo para os criadores.
Em 1965 surgiu a primeira definição debem-estar animal que pode ser encontrada no relatório do Comitê Brambell - “um termo amplo que inclui tanto a saúde física quanto a saúde mental e comportamental de um animal” , sendo posteriormente, em 1993, revisadas pelo FAWC - Farm Animal Welfare Council , sendo elas: ser livres de medo e estresse; ser livres de fome e sede; ser livres de desconforto; ser livres de dor e doenças e terliberdade para expressar seu comportamento natural (UK e WSPA,2004).
Além disso, Higarashi et. al.(Novembro/2006) afirmam que a suinocultura é reconhecida como sendo uma das atividades agropecuárias de maior potencial poluente devido à geração de grande volume de efluentes com elevada carga de matérias orgânicas e nutrientes. Portanto, a criação de suínos em sistema de cama sobreposta pode sercitada como uma das alternativas tecnológicas que reduzem os riscos de contaminação ambiental pelos dejetos.

Para colocar em prática uma alternativa que se encaixaria na Lei do bem-estar, poderia-se tentar suprir os problemas dos produtores de suínos, que além de se preocupar com as condições de seus animais, tem-se também que amenizar a incidência de poluição no ambiente que a produçãointensiva de suínos traz com seus dejetos.

Oliveira (2001) refere-se à criação de suínos como sendo um desafio para os produtores, pelo fato da exigência da sustentabilidade ambiental, ou seja, que a grande produtividade não afete o meio ambiente. E de acordo com Eduardo Raele de Oliveira (2010) para os animais, o ambiente tem influência preponderante no bem-estar.

Diante destarealidade, o presente projeto objetiva estudar o Sistema de Camas Sobrepostas como uma instalação positiva para o animal e também para o meio ambiente, ou seja, uma alternativa agroecológica possível tanto para grandes quanto pequenos produtores.
O sistema consiste na criação de suínos sobre um leito de material orgânico. Oferece uma alternativa para armazenar e tratar os dejetos produzidospelos animais (líquidos e sólidos) que poderiam ser utilizados como fertilizantes, devido, apresentar nitrogênio, fósforos, potássio e outro nutrientes que são excelentes fertilizantes.


2) JUSTIFICATIVA

Melhorar o bem-estar dos suínos de produção é uma preocupação frequente, já que é crescente a demanda pelos produtos de origem animal produzido sem agressão ao meio ambiente e sem...
tracking img