Progresso migratorio no seculo 21

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 11 (2659 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 8 de novembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
[pic]

SUMÁRIO

1 INTRODUÇÃO 3

2 DESENVOLVIMENTO 4
3 CONCLUSÃO..............................................................................................................9
4 REFERENCIA............................................................................................................10

INTRODUÇÃO

Para atuar sobre migrações no século 21 é preciso entendercomo a globalização afeta os deslocamentos espaciais da população.
O migrante vive num mundo onde a globalização dispensa fronteiras, muda parâmetros diariamente, ostenta luxos, esbanja informações, estimula consumos, gera sonhos e, finalmente, cria expectativas de uma vida melhor.
Entretanto, a globalização é parcial e inacabada, e isso afeta as migrações de váriasmaneiras.
O resultado é que a globalização apresenta dificuldades e morosidades no cumprimento de suas promessas. Muitos países crescem pouco ou nada e, enquanto isso as disparidades entre ricos e pobres aumentam.
Entretanto, as regras do jogo da globalização não se aplicam à migração internacional: enquanto o capital financeiro e o comércio fluem livremente, a mão-de-obrase move a conta gotas.
O ponto de partida para a formulação de política migratória consistiria na revalorização dos aspectos positivos da migração, e na redução progressiva de seus efeitos negativos.
A migração é inevitável e tem o potencial de ser bastante positiva para o desenvolvimento e a redução da pobreza. As políticas que partem desse princípio terão mais êxito doque aquelas que tentam se opor,de forma intransigente,tanto á globalização como a migração de pessoa no espaço.

DESENVOLVIMENTO

A globalização é uma força poderosa no novo sistema mundial, e continuará sendo determinante no curso da historia futura da humanidade.
O aspecto mais notório da globalização é, sem duvida, o crescente predomínio dos processosfinanceiros e econômicos globais sobre os nacionais e locais. A generalização do livre comercio, o crescimento no numero e tamanho de empresas transnacionais que funcionam como sistemas de produção integrados e a mobilidade de capitais são, de fato, aspectos destacados da realidade atual.
Entretanto, é importante constatar que esse é apenas um aspecto da globalização, pois p processo é decaráter multidimensional.
Não se pode afirmar que a globalização esta em crise, ou que a globalização não deu certo, porque,na realidade,ela ainda nem foi experimentada.Como algumas regras centrais do modelo de globalização econômica ainda não estão sendo aplicadas,não podemos sequer avaliar se ele é capaz de cumprir suas promessas.A globalização continuara,sendo,de fato,uma realidadeinacabada enquanto os países mais poderosos não cumprirem os preceitos que eles mesmos venderam ao mundo subdesenvolvido como sendo a “trilha para o crescimento econômico”.
Ao discutir o tema da migração dentro do contexto da globalização, depara-se de imediato com o fato de que existe uma discrepância flagrante entre o discurso e a pratica liberal.
Essa inconsistência éum empecilho enorme para a idealização de políticas e ações migratórias que sejam condizentes com a promoção de desenvolvimento e a realização da pobreza.
Entretanto, essa não é, obviamente, a única, nem mesmo a maior incoerência entre o discurso e a pratica do atual modelo. È importante situar essa inconsistência, referente especificamente ao domínio da migração.
Amigração internacional é resultado das desigualdades entre países- e a globalização acentua essas desigualdades. AS inconsistências entre discursos e pratica constituem os principais entraves ao crescimento econômico dos países não-industrializados no atual momento da globalização, e o maior determinante dos problemas associados à migração.
Outro aspecto que vale destacar na atual...
tracking img