Profissao de professor

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 10 (2366 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 24 de outubro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Perrenoud (2001) classifica a profissão de professor como uma semiprofissão; como um ofício em vias de profissionalização. Isso quer dizer que falta a essa profissão uma base de conhecimentos teóricos e procedimentais comuns e uma explicitação dos próprios esquemas e das formas de desenvolvê-los e avaliá-los, como ocorre em outras profissões; ou pelo menos nas profissões com maior valorizaçãosocial, como por exemplo advogados, médicos e engenheiros (grifo nosso). Percebe-se que nessas profissões há maior “controle de qualidade” na formação, estágios supervisionados com grande carga horária prática e controle, código de ética e Conselhos que regulam as normas profissionais (a quem se pode recorrer no caso de má conduta profissional). Os conhecimentos que tais profissionais devem deter sãobem definidos e mensuráveis; pois qualquer erro no exercício da profissão pode acarretar conseqüências desastrosas.

Mas e quanto ao professor? Que conhecimentos mínimos deve deter? Que procedimentos deve aplicar? Que resultados obter? Quem regula as normas de conduta? Qual é o seu código de ética? Perrenoud explica o termo semiprofissão, como profissões que respondem a alguns critérios e não aoutros, ou satisfazem razoavelmente cada um deles, como é o caso da enfermagem, do trabalho social e do ensino (2001, p. 137).

Não obstante outras profissões da área de Ciências Humanas também sofrerem esse impasse, a profissão docente necessita diminuir a ambigüidade dos saberes que o profissional deve deter, bem como definir procedimentos comuns para atuação, pois todos os debates sobreformação de professores trazem representações muito distintas, que vão desde as ideologias do dom ao racionalismo prematuro (Perrenoud, 2001, p. 136). Isto é, há correntes que defendem que ensinar se trata de um talento da pessoa, e outras que falam a língua da engenharia didática ou da ciência do ensino.

Perrenoud define profissionalização de um ponto de vista estático como o grau em que um ofíciomanifesta as características de uma profissão; e do ponto de vista dinâmico como o grau de avanço da transformação estrutural de um ofício, no sentido de uma profissão total (op.cit., p. 137)[1]. A definição de profissionalização de Perrenoud aproxima-se mais das características que definem um ofício em si. A definição que melhor atende às questões sobre profissionalização que este texto pretendediscutir é a de Mark Ginsburg: “A profissionalização é um processo através do qual os trabalhadores melhoram o seu estatuto, elevam os seus rendimentos e aumentam o seu poder/autonomia”. (1990; in Nóvoa, 1992, p. 23).

Feitas essas considerações, este texto pretende mostrar que:

a) A questão do desprestígio da profissão docente tem raízes históricas, e está vinculado ao significado dado àeducação em determinado momento histórico.

b) A formação de professores é o momento-chave da socialização e da configuração profissional.

c) O saber da experiência pode conferir maior autonomia profissional ao professor, e juntamente com outras competências profissionais viabilizar o processo de profissionalização.

2. Raízes Históricas do Desprestígio da Profissão Docente

Tanto emPortugal como no Brasil, o magistério se constitui em profissão graças à intervenção e ao enquadramento do Estado, que substituiu a Igreja como entidade de tutela do ensino. Nóvoa (1992) faz algumas considerações a esse respeito com relação ao ensino em Portugal, porém, acredita-se que no Brasil Colônia muitos fatos ocorreram em concomitância com a Metrópole.

De 1500 a 1759 imperou no Brasil aeducação jesuítica, que tinha como objetivo principal a catequese. O conteúdo cultural transportado de Portugal para a Colônia brasileira era destinado a uma minoria dos donos de terras e senhores de engenho, excluindo-se desse público as mulheres e os filhos primogênitos, os quais deveriam assumir a direção dos negócios da família. Até então, a educação era humanista, destinada a dar cultura geral...
tracking img