Produtos biotecnologicos

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1149 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 4 de janeiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
PRODUTOS BIOTECNOLÓGICOS


Biotecnologia é definida como qualquer aplicação técnica que utiliza sistemas biológicos, organismos vivos ou derivados desses, para produzir ou modificar produtos e processos de uso específico. Assim sendo, a biotecnologia existe desde que a raça humana utilizou pela primeira vez, a fermentação na fabricação de pão, queijo e vinho. A biotecnologia moderna se aplicaao entendimento e utilização de informações genéticas de espécies animais e vegetais. A engenharia genética modifica o funcionamento dos genes nas mesmas espécies ou movimenta os genes entre espécies.
O primeiro produto biotecnológico comercial criado foi a insulina sintética, aprovada pela Agência de Administração de Alimentos e Medicamentos dos Estados Unidos (FDA) em 1982. A biotecnologiacriou mais de 200 novas terapias e vacinas, incluindo produtos para o tratamento de câncer, diabetes, HIV/ AIDS e distúrbios auto-imunes.


APLICAÇÕES

Biotecnologia na medicina

A medicina utiliza muitos conhecimentos da biotecnologia. Graças a ela, hoje em dia já é possível tratar algumas doenças. Um grande avanço da medicina foi a produção de insulina humana utilizando bactérias. Ainsulina é essencial para os doentes de diabetes. Antigamente, ela era produzida apenas em animais e não tinha um efeito tão bom quanto a humana. Com a transferência de genes também é possível produzir hormônios humanos, como o do crescimento. Há também algumas técnicas para prevenir doenças. É o caso das vacinas, que, tanto para seres humanos como para animais, também contam com a biotecnologia.Biotecnologia na agricultura
Hoje, em vários países, já existem plantações de alimentos geneticamente modificados. Esses alimentos são resistentes a pragas ou doenças e, por isso, utilizam menos agrotóxicos. Há também plantas tolerantes a herbicidas, que permitem que agricultores também usem menos agroquímicos para combater plantas daninhas. Com isso, diminuem os gastos dos produtores, além deaumentar a qualidade dos alimentos que vão pra nossa mesa. Por enquanto, esses são os maiores avanços da biotecnologia na agricultura.
Mas já existem muitas pesquisas nesta área e, num futuro bem próximo, será possível produzir alimentos com mais vitaminas e nutrientes, plantas resistentes à seca, frutas que demoram mais para amadurecer, e outros produtos cheios de vantagens. Uma pesquisa bem legalestá sendo feita para criar plantas que servirão como vacinas contra várias doenças.

Outras áreas

A biotecnologia não trabalha apenas com alimentos e indústria farmacêutica, há também pesquisas em outros campos. Um exemplo é a indústria de tecidos, onde já existem pesquisas para criar um tipo de algodão que já seja colorido naturalmente. Isso aumentaria a resistência das fibras ediminuiria os gastos com o tingimento, que também causa impactos ambientais.
Já é possível também produzir plástico utilizando bactérias. Este tipo de plástico pode ser utilizado em embalagens e outros produtos e é biodegradável, ou seja, ajuda a preservar o meio ambiente.
Há também pesquisas para buscar outras formas de gerar energia. Utilizando materiais como madeira, girassol, milho, soja ecana-de-açúcar, os cientistas utilizam a biotecnologia para produzir bicombustíveis, que não prejudicam o meio ambiente e que sejam mais baratos.



Benefícios e malefícios

Benefícios:
• Melhoramento das propriedades nutritivas;
• Produção em grande número de vários alimentos;
• Aumento da resistência das novas espécies a pragas e doenças;
• Asnovas espécies tornam-se mais resistentes a herbicidas;
• Estes se tornam mais tolerantes às condições ambientais adversas;
• Produção de espécies com novas características desejáveis;
Malefícios:
• As ervas daninhas tornam-se mais resistentes, o que pode dar origem a novas doenças;
• Potencial aumento dos sintomas de alergia a certos alimentos;
• Empobrecimento da biodiversidade;
•...
tracking img