Processo formadores de palavras

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1003 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 26 de abril de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Centro Universitário Luterano de Ji-paraná

























Processos formadores de Palavras






















Ji-paraná, março de 2011.





























































Introdução:







Neste trabalho tem como objetivo fundamentalidentificar a importância dos processos de formação das palavras divididas em derivação, composição, hibridismo, abreviação vocabular, abreviatura (ou sigla), onomatopeia, palavra-valise, estrangeirismo, neologismo semântico.













































1.0 Derivação:

É uma palavra primitiva que acrescenta ou perder um prefixo esufixo, sem que altere a sua significação fundamental. Sendo assim um processo bastante utilizado na língua portuguesa por todos aqueles que produzem um texto.

Ex: Subtropical (recebeu o prefixo: sub)

Pedraria (recebeu o sufixo: ria)



1.1 Derivação prefixal

O radical recebe um acréscimo de um prefixo em uma palavra primitiva:

Ex: Infeliz, desnutrição, indecente.

Obs. Noportuguês contemporâneo, preposições e advérbios vem assumindo a função de prefixo. Ex: Sem-teto, sem-terra.



1.2 Derivação sufixal

O radical recebe um acréscimo de um sufixo em uma palavra primitiva:

Ex: Maquinaria, nutrição, adorável.



1.3 Derivação parassintética

O radical recebe prefixo (geralmente es, em ou a) e sufixo simultaneamente ao mesmo tempo.

Ex:Esburacar, amolecer, empalidecer.

Obs. normalmente as palavras derivadas por parassíntese são verbos provenientes de substantivos ou adjetivo.

Ex: anoitecer, esvoaçar, abotoar (substantivos).

Esquentar, enegrecer, ensurdecer (adjetivo).



1.4 Derivação regressiva

Consiste na supressão de elementos de uma palavra primitiva.

Obs. Estas palavras foram criadas pela imaginação dopovo.

Ex: Sarampão (primitiva) Butequim (primitiva)

Sarampo (regressiva) Boteco (regressiva)

Por meio da derivação regressiva são formados substantivos abstratos que denotam nome de ação. Portanto são chamados de verbais.

Veja:

GRAFICO.

|Verbo |Substantivo |Verbo |Substantivo |Verbo|Substantivo |
|Abalar |Abalo |Enlaçar |Enlace |Recuar |Recuo |
|Afagar |Afago |Errar |Erro |Regatar |Regate |
|Alcançar |Alcance |Fugir |Fuga|Roubar |Roubo |
|Atacar |Ataque |Gritar |Grito |Sustentar |Sustento |
|Buscar |Busca |Jogar |Jogo |Trocar |Troco, Troca |
|Castigar |Castigo |Laçar|Laço |Vender |Venda |
|Chorar |Choro |Levantar |Levante |Voar |Voo |
|Comprar |Compra |Perder |Perda | | |
|Debater |Debate|Pescar |Pesca | | |


1.5 Derivação imprópria (ou conversão).

É um tipo especial de derivação visto que a nova palavra não sofre alteração primitiva, apenas adquira aplicação diferente na frase, mudando de classe gramatical.

Ex:

“O inútil tem sua forma particular de utilidade”. (Carlos Drummond de Andrade)...
tracking img