Processo fermentativo - etanol absoluto

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 41 (10247 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 27 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIVERSIDADE DO VALE DO ITAJAÍ

CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE

CURSO DE FARMÁCIA









EDSON SANGALETTI
PAOLA RIBEIRO TAVARES
THAMIRIS YUMI INOUE
YOHANA VIEIRA CARDOSO




PRODUÇÃO, CONTROLE E RECUPERAÇÃO DE ETANOL ABSOLUTO A PARTIR DE SACCHAROMYCES CEREVISIAE









Itajaí, (SC)

2012EDSON SANGALETTI
PAOLA RIBEIRO TAVARES
THAMIRIS YUMI INOUE
YOHANA VIEIRA CARDOSO









PRODUÇÃO, CONTROLE E RECUPERAÇÃO DE ETANOL ABSOLUTO A PARTIR DE SACCHAROMYCES CEREVISIAE






Trabalho apresentado como requisito para obtenção de créditos na disciplina de Enzimologia e Biotecnologia do Curso deFarmácia da Universidade do Vale do Itajaí, Centro de Ciências da Saúde.


Prof.a Josiane Carvalho Vitorino




Itajaí, (SC)

2012























































SUMÁRIO





1 JUSTIFICATIVA 6
2 OBJETIVOS 8
2.1 Objetivo geral 8
2.2 Objetivos específicos 8
3 REVISÃOBIBLIOGRÁFICA 10
3.1 Etanol 10
3.1.1 Classificação do etanol 10
3.1.2 Aplicação do etanol absoluto 11
3.1.3 Vias de obtenção 11
3.3 Meios de cultura 12
3.3.1 Preparação dos meios 15
3.4 Enzimas 16
3.4.1 Aplicações farmacêuticas 16
3.5 Fermentação do etanol 17
3.5.1 Fatores que afetam fermentação 18
3.6 Agentes de fermentação 18
3.6.1 Saccharomyces cerevisiae 19
3.7 Metabolismo anaeróbio 203.8 Processos de fermentação 20
3.8.1 Descontínuo 20
3.8.2 Processo fermentativo semi-contínuo 22
3.8.3 Contínuo 22
3.9 Recuperação do produto 23
3.9.1 Destilação 24
3.9.2 Retificação 24
3.9.3 Desidratação 25
3.10 Agentes Contaminantes da Fermentação 27
4 METODOLOGIA 29
4.1 Micro-organismo 29
4.2 Meios de cultura 29
4.2.1 Correção do mosto 30
4.2.2 Preparo do inóculo 31
4.3Condições experimentais 31
4.3.1 Temperatura 31
4.3.2 pH 32
4.3.3 Velocidade de agitação 32
4.4 Processo fermentativo detalhado 33
4.4.1 Preparo do adsorvente 34
4.5 Fluxograma do processo 34
4.6 Controles do processo 34
4.6.1 Concentração °Brix 35
4.6.2 pH 35
4.6.3 Açúcares 36
4.6.4 Temperatura 36
4.6.5 Densidade do mosto 36
4.6.6 Análises microbiológicas 37
4.6.7 Determinação do CO2desprendido 37
4.6.8 Teor alcoólico 37
4.6.9 Acidez 37
4.6.10 Saccharomyces cerevisiae 37
4.6.11 Características organolépticas 38
4.7 Controles do produto acabado 39
4.7.1 Doseamento 39
4.7.2 Ensaios 39
4.8 Processos de separação e purificação do produto (recuperação) 40
4.9 Higienização do processo e fermentador em escala industrial 41
REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS 44









1JUSTIFICATIVA



O álcool é extensamente conhecido principalmente por ser um produto muito versátil com inúmeras finalidades, como por exemplo, na indústria alimentícia, nos produtos alcoólicos, na esterilização, no combustível etc.

O uso de etanol vem crescendo nos últimos anos. Com o aumento de números de automóveis circulantes, foi preciso buscar alternativas para suprir a demandade combustíveis fósseis. O uso como combustível tem interesse mundial e tem sido uma alternativa a gasolina. A fermentação a partir de fonte de açúcares da biomassa é uma das principais vias para produção de álcool para carros. O etanol absoluto tem diversas aplicações desde a produção de antibióticos, soluções anti-sépticos, produtos cosméticos (QUIMESP, 2012). A indústria de álcool industrialdesenvolveu-se na Europa nos meados do século 19; no último quarto desse século, iniciou-se a produção de etanol no Brasil, com as sobras de melaço da indústria de açúcar, que ampliava sua capacidade produtiva (LIMA et. al., 2001).

O processo de transformação do açúcar em álcool, por ação de levedura, é denominado fermentação alcoólica, e se desenvolve em condições anaerobiose, ou...
tracking img