Problemas derivados do ambiente

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 14 (3292 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 31 de maio de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
INDICE PAGINA
1.Introdução 1

1.1.Objectivos 1

1.1.1.Objectivos geral 1

1.1.2.Objectivos específicos 1

1.1.3.Justificativa 1

1.1.4.Metodologias de investigação 2

CAPITULO II 3

FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA 3

2.1.Agricultura 3

2.1.1.Sistemas agrícolas 32.2.IMPACTOS AMBIENTAIS 4

2.2.1.Principais impactos 4

2.2.2.As Florestas Tropicais 4

2.3.Impactos ambientais em ecossistema agrícolas 6

2.3.1.Poluição com agrotóxicos 7

2.3.2.Erosão 7

2.3.3.O combate a erosão 7

2.4.Impactos ambientais originados pela atividade agropecuária 9

2.4.1. Contaminação de solos e águas por: 9

2.4.2. Degradação do solo 11

2.4.3.Monocultura 11

2.4.4. Biodiversidade 11

2.4.6. Ecossistema 12

2.4.7. Cultivo de OGM’s 12

Conclusão 13

Referências bibliográficas 14

1.Introdução

O presente trabalho vai abordar o tema sobre os problemas ambientais causados pela actividade agropecuária e as suas consequências, objectivos conhecer o ciclo degradante do solo. Desde o momento em o homem passou a dominar a natureza,fazendo da agricultura uma notável forma de apropriação do espaço – iniciaram-se as transformações neste meio. Tomando o conceito de sustentabilidade ecológica 4de modo estrito, pode –se dizer que neste momento ela foi afectada. O homem, para desenvolver suas habilidades e alcançar seus desejos, deveria fazer uso desta natureza. O grande problema foi a forma como o fez. Para se desenvolver, escolheumeios de produção ignorando completamente sua condição de também estar sujeito à natureza. No sector agro-pecuário, nota-se que levou muito tempo para os produtores, assim como o poder público, perceberem que a forma de exploração dos agros ecossistemas podia, em muitos casos, inviabilizar a actividade em longo prazo.

1.1.Objectivos

1.1.1.Objectivos geral
• É objectivo principal destetrabalho de pesquisa conhecer os problemas ambientais causados pela actividade agropecuária e as suas consequências.

1.1.2.Objectivos específicos

• Descrever as características agropecuária

• Apresentar um ciclo de degradação do solo

• Identificar os determinantes do aumento da população na cidade de Chimoio.

1.1.3.Justificativa

Emerge a urgência de se procurar novospadrões de produção cuja sustentabilidade ecológica seja minimamente respeitada, sem esquecer, contudo, da sustentabilidade económica, caso contrário, mudanças não se estabelecem por muito tempo. Mas como tem sido a relação da produção pós-revolução verde com os recursos naturais? A actividade agropecuária aparece como grande responsável pela degradação intensa das águas, sejam superficiais ousubterrâneas.

1.1.4.Metodologias de investigação

O estudo observou os seguintes passos metodológicos:
• Revisão bibliográfica, que possibilitou a obtenção dos instrumentos e obras de referência, que permitiram a sistematização teórica da pesquisa;
• Por fim, foi feita a sistematização da informação em forma de trabalho.

CAPITULO II

FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA

Agricultura é oconjunto de técnicas utilizadas para cultivar plantas com o objectivo de obter alimentos, fibras, energia, matéria-prima para roupas, construções, medicamentos, ferramentas, ou apenas para contemplação estética.

2.1.Agricultura

O prefixo agro tem origem no verbete latino agru que significa "terra cultivada ou cultivável".
A ciência que estuda as características das plantas e dos solos paramelhorar as técnicas agrícolas é a agronomia. A agricultura nos dias actuais pode ser vista por várias ópticas.
Pela óptica conservadora, a agricultura obedece aos conceitos cartesiano, simplista e reducionista.
Pela óptica sistémica, a agricultura é vista como um processo que sofre e exerce pressões sobre os seus integrantes.
2.1.1.Sistemas agrícolas
Existem dois tipos, o intensivo e os...
tracking img