Problemas ambientais dos Mares de morro

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (269 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 26 de setembro de 2014
Ler documento completo
Amostra do texto
Condições Ambientais e Economicamente Sustentáveis:
Lembrando que foi colocado anteriormente em relação ao povoamento, essas terras já estão sendo utilizadas
economicamente hámuitos anos. Decorrente disso, observa-se um considerável desgastamento do solo que elucida
uma atual preservação das matas restantes. Esta região já sofreu muita devastação dohomem e da sociedade e
devem ser tomadas atitudes urgentes para sua conservação. Existem muitos programas, tanto do governo como
privados, para a proteção da mata atlântica.Destaca-se por exemplo, a Fundação O Boticário (privado), que
detém áreas de preservação ao ambiente natural e o SOS Mata Atlântica (governamental e privado). Neste sentido,
asolução mais adequada para este domínio, seria a estagnação de muitos processos agrícolas ao longo de sua
área, pois o solo encontra-se desgastado e com problemas erosivosmuito acentuados. Deixando assim, a terra
“descansar” e iniciar um projeto de reconstituição à vegetação nativa.

PROBLEMAS AMBIENTAIS:
Poluição industrial, desmatamento,deslizamento de massa nas encostas dos morros,
afetando casas e rodovias.

Características Bio-Hidro-Climáticas e Fisiográficas:
Como o próprio nome já diz, é uma região de muitosmorros de formas residuais e curtos em sua convexidade, com muitos movimentos de massa generalizados. Os processos de intemperismo, como o químico, são freqüentes, motivo peloqual as rochas da região encontram-se geralmente em decomposição. Tem uma significativa gama de redes de drenagens, somados à boa precipitação existente (1.100 a 1.800 mm a/a e5.000 mm a/a nas regiões serranas), que é devido à massa de ar tropical atlântica (MATA) e aos ventos alísios de sudeste, que ocasionam as chuvas de relevo nestas áreas de morros.