Problemas acometidos nos trabalhadores devido a exposição diária ao ruído.

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1236 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 20 de maio de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
1 TEMA
Problemas acometidos nos trabalhadores devido a exposição diária ao ruído.
2 SITUAÇÃO PROBLEMA
Efeitos auditivos nos trabalhadores expostos ao ruído intenso.


3 JUSTIFICATIVA

Sabemos que a exposição a níveis elevados de ruído, por um longo período de tempo, pode acarretar diversos comprometimentos orgânicos, mentais e sociais no individuo. Entre estas conseqüências, a maisdefinida e quantificada, consiste em danos no sistema auditivo.
É necessário identificar os fatores e comportamentos de risco para conscientizar os trabalhadores sobre medidas preventivas ao ruído acima dos níveis de tolerância, pois indivíduos exposto ao ruído intenso podem desenvolver uma patologia muito comum, a perda auditiva por níveis de pressão sonora elevada.
Embora não seja fácilrelacionar sintomas da falta de audição com o ruído, muitos autores informam que as PAIR (Perda Auditiva Induzida pelo Ruído) interferem em muitos aspectos na vida de um trabalhador.
Em conseqüência disso, vê-se a necessidade de um ambiente de trabalho adequado, e um dos fatores que mais aparecem são os riscos ambientais, bem como os efeitos ao homem que trabalha nas indústrias, sendo assim é necessárioum modo de prevenção eficaz.
4 HIPÓTESE
Os distúrbios atribuídos a exposição, vão depender de fatores como a freqüência do ruído, a intensidade, a duração, e o ritmo, assim como o tempo de exposição?
5 OBJETIVO
5.1 Objetivo Geral

- Propor medidas aos trabalhadores a fim de minimizar a perda auditiva e os diversos distúrbios no ambiente laboral.

4.2 Objetivos Específicos

-Verificar se as medidas exigidas pela legislação estão sendo usadas;
- Investigar por meio de uma pesquisa a perda auditiva ocupacional e os diversos distúrbios em trabalhadores expostos a níveis de pressão sonora acima do permitido.
- Verificar se os trabalhadores estão conscientes em relação ao risco que estão expostos.
-Avaliar o ambiente laboral, através de medições para detectar os níveis depressão sonora reais do local.

6 REFERENCIAL TEÓRICO

“O som é definido como qualquer perturbação vibratória em um meio elástico, que produza sensação auditiva.” segundo (MERLUZZI, 1981).
“O ruído é um sinal acústico aperiódico, originado da superposição de vários movimentos de vibração com diferentes freqüências que não apresentam relação entre si.” segundo (FELDMAN; GRIMES, 1985).
Portanto,do ponto de vista da Acústica Física, podemos dizer que a definição de ruído é englobada pela definição de som. Enquanto o som é utilizado para descrever sensações prazerosas, o ruído é usado para descrever sons indesejáveis ou desagradáveis, o que traz um aspecto de subjetividade à sua definição.
O Ruído é um agente contaminante do tipo físico, é um som indesejável e, destaforma, causa incômodo. É definido como o som ou grupo de sons de tal abrangência que pode causar adoecimentos ou interferência na capacidade de se comunicar do individuo.
Existe Ruído em todas as atividades: indústrias, agrícolas, construção civil e até mesmo no dia a dia, que produzem uma intensidade sonora elevada, acima do tolerável por uma pessoa.
“Estima-se que 25% da populaçãotrabalhadora exposta (seja portadora de Pair em algum grau. Apesar de ser o agravo mais freqüente à saúde dos trabalhadores, ainda são pouco conhecidos seus dados de prevalência no Brasil. Isso reforça a importância da notificação, que torna possível o conhecimento da realidade e o dimensionamento das ações de prevenção e assistência necessárias.” APUD (BERGSTRÖM; NYSTRÖM, 1986; CARNICELLI, 1988;MORATA, 1990; PRÓSPERO, 1999).
Sinais e sintomas da Pair:
a) Auditivos:
• Perda auditiva.
• Zumbidos.
• Dificuldades no entendimento de fala.
• Outros sintomas auditivos menos freqüentes: algiacusia, sensação de audição “abafada”, dificuldade na localização da fonte sonora.
b) Não-auditivos:
• Transtornos da comunicação.
• Alterações do sono.
• Transtornos neurológicos.
• Transtornos...
tracking img