Ao longo de séculos, a civilização ocidental vem recorrentemente colocando-se questões relativas ao Estado, ao exercício do poder e às relações entre Estado e sociedade. No pensamento políticoexistem duas matrizes que dirigem essas discussões e ideologias, são elas: a Liberal, pensadas pelos filósofos iluministas, no século XVII, e economistas clássicos, no século XVIII, e a Marxista, inspiradanas ideias de Karl Marx, crítico contundente do pensamento político, filosófico, sociológico, antropológico e econômico.
De acordo com o sociólogo alemão Max Weber, o que caracteriza o Estado é omonopólio do exercício legítimo da força em uma sociedade. Em todos os regimes, democráticos ou não, a força do governo dependerá também da sua capacidade de identificar necessidades e anseios sociais etransformá-los em políticas públicas que produzam resultados na sociedade. O termo governança surgiu para que o foco deixe de ser a capacidade interventora e indutora do Estado e passa a se concentrarno seu papel de coordenador dos diversos esforços – públicos e privados – para produzir benefícios coletivos
Repensar as relações entre Estado e sociedade foi a questão central dos filósofosiluministas, à qual a teoria econômica clássica introduziu um novo conceito que veio para ficar: o de mercado e existe uma relação intrínseca entre Estado e mercado, onde o mercado pode ser conceituado comoum sistema de trocas do qual participam agentes e instituições interessados em vender ou comprar um bem ou prestar ou receber um serviço. Para Adam Smith, o mercado é regido por leis que estãoassociadas ao caráter egoísta do ser humano passando o mercado a ser então um mecanismo auto regulável, que dispensaria a intervenção estatal, pois a lei da oferta e da demanda seria suficiente para regularas quantidades e preços de bens e serviços em uma sociedade. Assim, ao Estado caberia apenas assegurar a concorrência. Da adequada relação entre Estado e mercado dependeriam o crescimento econômico... [continua]

Ler trabalho completo

Citar Este Trabalho

APA

(2013, 08). Principais distinções existentes entre as visões Liberal e Marxista. TrabalhosFeitos.com. Retirado 08, 2013, de http://www.trabalhosfeitos.com/ensaios/Principais-Distin%C3%A7%C3%B5es-Existentes-Entre-As-Vis%C3%B5es/31670008.html

MLA

"Principais distinções existentes entre as visões Liberal e Marxista" TrabalhosFeitos.com. 08 2013. 2013. 08 2013 <http://www.trabalhosfeitos.com/ensaios/Principais-Distin%C3%A7%C3%B5es-Existentes-Entre-As-Vis%C3%B5es/31670008.html>.

MLA 7

"Principais distinções existentes entre as visões Liberal e Marxista." TrabalhosFeitos.com. TrabalhosFeitos.com, 08 2013. Web. 08 2013. <http://www.trabalhosfeitos.com/ensaios/Principais-Distin%C3%A7%C3%B5es-Existentes-Entre-As-Vis%C3%B5es/31670008.html>.

CHICAGO

"Principais distinções existentes entre as visões Liberal e Marxista." TrabalhosFeitos.com. 08, 2013. Acessado 08, 2013. http://www.trabalhosfeitos.com/ensaios/Principais-Distin%C3%A7%C3%B5es-Existentes-Entre-As-Vis%C3%B5es/31670008.html.