Primeiros socorros

Primeiros Socorros

Os Primeiros Socorros ou socorro básico de urgência são as medidas iniciais e imediatas dedicadas à vítima, fora do ambiente hospitalar, executadas por qualquer pessoa,treinada, para garantir a vida, proporcionar bem-estar e evitar agravamento das lesões existentes. Portanto, enquanto o socorro especializado não chega, alguns procedimentos básicos devem ser executados pelosocorrista.
A prestação dos Primeiros Socorros depende de conhecimentos básicos, teóricos e práticos por parte de quem os está aplicando.
O primeiro atendimento mal sucedido pode levar vítimas deacidentes a seqüelas irreversíveis.

• Objetivos: Manter as funções vitais e evitar o agravamento de suas condições, até que a vítima receba assistência qualificada.

Conceitos
• Urgência: Estadoque necessita encaminhamento rápido ao hospital; o tempo gasto, entre o momento em que a vítima é encontrada e seu encaminhamento, deve ser o mais curto possível.
• Emergência: Estado grave quenecessita de atendimento médico, embora não seja necessariamente urgente.
• Acidente: fato do qual resultam pessoas feridas e/ou mortas que necessitam de atendimento.
• Incidente: fato ou eventodesastroso do qual não resulta necessariamente pessoas mortas ou feridas, mas que pode oferecer risco futuro.
• Sinal: É a informação obtida a partir da observação da vítima.
• Sintoma: É a informação apartir de um relato da vítima.

Sinais Vitais
SINAIS VITAIS PROCEDIMENTOS
TEMPERATURA - Verifique se o termômetro está marcando 35 graus ou menos.
- Coloque o termômetro na axila, na boca, ou noreto e espere pelo menos 1 minuto.
- Leia a temperatura e anote.
Em caso de dúvida repita a operação.
PULSO - O braço e a mão do doente devem estar em repouso sobre a cama ou a mesa.
-Coloque seu indicador e o dedo médio no pulso do doente, no lado correspondente ao polegar.
- Nunca use seu próprio polegar para contar as pulsações.
- Conte durante um minuto.
- Confira se...
tracking img