A prevenção tem sido, desde o início da epidemia, uma questão crucial para os programas de controle da Aids. Naqueles primeiros tempos, era grande o desconhecimento acerca da doença e sua distribuição e poucos os subsídios para guiar ações preventivas. Desde então, esse quadro sofreu profundas alterações. Houve um aumento substantivo do grau de conhecimento científico acerca do vírus, suas interações com o organismo, sua epidemiologia e sobre os principais determinantes sociais dessa epidemia. Destaca-se, em particular, o elevado grau de conhecimento alcançado acerca do controle dos efeitos danosos do HIV sobre o organismo humano.
Contudo, passados já vinte anos, e mesmo com todos os avanços apontados, a importância da prevenção não é menor nos dias de hoje. Os enormes progressos do conhecimento e da técnica não esvaziaram os desafios da prevenção, uma vez que tais avanços não chegaram a alterar substantivamente os determinantes da vulnerabilidade ao HIV e à Aids de significativoscontingentes populacionais. Entre estes aspectos de vulnerabilidade, destacam-se a pobreza; a exclusão de base racial; a rigidez de papéis e condutas nas relações de gênero; a intolerância à diversidade, especialmente de opção sexual; o limitado diálogo com as novas gerações e a conseqüente incompreensão dos seus valores e projetos; o descaso com o bem estar das gerações mais idosas e a impressionante desintegração da sociedade civil no mundo globalizado (Castells, 1999), gerando uma violência estrutural que amalgama todos os demais aspectos de vulnerabilidade num perverso sinergismo. (Farmer et al. 1996; Parker & Carmargo Jr., 2000).

Advento aids e sua íntima relação com os estudos da sexualidade humana apontam para a importância das questões de gênero para o sucesso da prevenção diante da epidemia. O enfoque fortemente centrado no uso do preservativo masculino evidencia que, além do conhecimento sobre o corpo e a sexualidade, relações de poder entre homens e mulheres [continua]

Ler trabalho completo

Citar Este Trabalho

APA

(2013, 04). Prevenção do hiv. TrabalhosFeitos.com. Retirado 04, 2013, de http://www.trabalhosfeitos.com/ensaios/Preven%C3%A7%C3%A3o-Do-Hiv/808036.html

MLA

"Prevenção do hiv" TrabalhosFeitos.com. 04 2013. 2013. 04 2013 <http://www.trabalhosfeitos.com/ensaios/Preven%C3%A7%C3%A3o-Do-Hiv/808036.html>.

MLA 7

"Prevenção do hiv." TrabalhosFeitos.com. TrabalhosFeitos.com, 04 2013. Web. 04 2013. <http://www.trabalhosfeitos.com/ensaios/Preven%C3%A7%C3%A3o-Do-Hiv/808036.html>.

CHICAGO

"Prevenção do hiv." TrabalhosFeitos.com. 04, 2013. Acessado 04, 2013. http://www.trabalhosfeitos.com/ensaios/Preven%C3%A7%C3%A3o-Do-Hiv/808036.html.