Presidentes do brasil

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 17 (4083 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 10 de dezembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Nossos Presidentes
De Deodoro a LulaO Brasil monárquico tem fim em 15 de novembro de 1889 e, a partir desta data, até hoje, somos uma República que reza um regime democrático, mas não é, por completo. O primeiro presidente e cabeça do movimento que transformou o Brasil em República, foi o marechal Manuel Deodoro da Fonseca.
Pertencente a tradicional família de militares, após a proclamação doBrasil República, o marechal já convocou a nossa primeira Constituinte e, através desta, foi eleito nosso primeiro presidente.
Através do Decreto número 4, de 19 de novembro do mesmo ano, ele instituiu e oficializou a Bandeira brasileira, nosso maior símbolo. Além disso, o marechal Deodoro reformou o Ensino e também as finanças.
O Brasil, finalmente, respirava a verdadeira brisa daindependência de Portugal. Mas, com apenas dois anos de mandato, o marechal renunciou à presidência. De 23 de novembro de 1891 a 15 de novembro de 1894, assumiu a presidência o então vice-presidente, marechal Floriano Vieira Peixoto, que ficou conhecido como “O marechal de ferro”, por enfrentar a Revolta da Armada e a Revolução Federalista.
De família humilde, o marechal Floriano iniciou seus estudos emAlagoas, sua terra natal. Mais tarde, já no Exército, destacou-se na Campanha do Paraguai. Teve braço forte para enfrentar vários problemas sociais e militares que já se desenharam ao raiar da nova República, e por isso também foi chamado de Consolidador da República. De 1894 a 1898, o presidente da República foi Prudente José de Morais e Barros. Com luva de veludo de um lado e mão de ferro dooutro, pacificou o país, anistiando os envolvidos nas Revoluções Armada e Federalista. Resolveu a questão do Território das Missões no Sul e assegurou a posse do Brasil sobre a Ilha de Trindade, reclamada pela Inglaterra. Sua mão pesou mais na Guerra de Canudos, liderada por Antonio Conselheiro, do qual falamos em outra matéria no GNT. Manoel Ferraz de Campos Sales foi o quarto presidente da República,governando o país de 1898 a 1902. Campos Sales, com o apoio do grande diplomata Barão do Rio Branco, obteve o reconhecimento dos direitos do Brasil ao território do Amapá.
Também no seu governo providenciou a elaboração do anteprojeto do Código Civil, incentivou a implantação de indústrias e reabilitou o crédito e as finanças do país. De 1902 a 1906, o presidente do Brasil foi Francisco dePaula Rodrigues Alves, responsável pela obrigatoriedade da vacinação no Brasil, a pedido do sanitarista Oswaldo Cruz. Ele também remodelou a Marinha e o Exército, firmou o Tratado de Petrópolis, que anexou o território do Acre ao Brasil, antes sob o domínio da Bolívia e do Peru. Rodrigues Alves ainda reorganizou o Banco do Brasil. Afonso Augusto Moreira Pena, nosso sexto presidente, deu início àconquista da Amazônia, celebrando tratados de navegação fluvial com a Colômbia. Foi ele quem designou Ruy Barbosa para representar o Brasil em Haia, na Holanda, onde foi sobremaneira elevada a imagem e a soberania do nosso país. O presidente Afonso Pena ainda estabilizou a moeda e o câmbio. Ele governou de 1906 a 1909, falecendo antes de terminar seu mandato. De 14 de junho de 1909 a 15 de novembro de1910, o vice-presidente Nilo Procópio Peçanha então assumiu a presidência, concluindo o mandato de Pena. E, apesar de governar o país por apenas 16 meses, Nilo Peçanha fez coisas notáveis, como a criação do Serviço Nacional do Índio (SNI, hoje FUNAI), instalou o Ministério da Agricultura e implantou o Ensino Profissional e ainda inaugurou a iluminação elétrica no Rio de Janeiro e a Diretoria deSaneamento. Quando ainda era Ministro da Guerra, designação dada antigamente ao Ministro do Exército e Marinha, Hermes Rodrigues da Fonseca já começara a reforma do Exército, o que concluiu depois, como presidente da República, entre os anos de 1910 e 1914.
Seu governo foi marcado por diversas crises políticas que até chegaram a ameaçar com uma guerra civil os Estados do Rio de Janeiro, Bahia e...
tracking img