Preconceito contra idoso

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 9 (2196 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 5 de julho de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIVERSIDADE SALVADOR – UNIFACS
GRADUAÇÃO PLENA
CIÊNCIAS ECONÔMICAS


ANTONIO FRANCISCO DE SOUZA JUNIOR INFRAESTRUTURA E LOGÍSTICA
TRABALHO SEMESTRAL

PROJETO DE INFRAESTRUTURA AOS TERRITÓRIOS DE IDENTIDADES DO ESTADO DA BAHIA: PIEMONTE DO PARAGUAÇÚ, BACIA DO JACUÍPE, PORTAL DO SERTÃO E RECÔNCAVO.


Salvador
2011

ANTONIO FRANCISCO DE SOUZA JUNIORINFRAESTRUTURA E LOGÍSTICA
TRABALHO SEMESTRAL

PROJETO DE INFRAESTRUTURA AOS TERRITÓRIOS DE IDENTIDADES DO ESTADO DA BAHIA: PIEMONTE DO PARAGUAÇÚ, BACIA DO JACUÍPE, PORTAL DO SERTÃO E RECÔNCAVO.



Trabalho para obtenção de nota final na matéria de Infraestrutura e Logística, ministrada pelo Professor Paulo Quadros.

Salvador
2011

TRODUÇÃO
1. INTRODUÇÃO

OBrasil é um país com vasta dimensão territorial e vantagens competitivas quase não encontradas em outras nações. Contudo percebe-se que a Infraestrutura atual está totalmente discrepante do caminho que o país segue. Cada vez mais o Brasil está entrando no ramo de grandes potenciais mundiais, todavia com deficiências internas exacerbadamente elevadas, pois se for levada em consideração o modal detransporte escolhido pela nação para distribuição e dinamização de sua produção, observam-se ineficiências começando pela própria escolha do meio rodoviário, por ser mais caro e perigoso, dada uma grande quantidade de águas navegáveis dentro do território brasileiro.
Os territórios de identidades do estado da Bahia são divididos em 26, e essa divisão está condicionada com os aspectos econômicos,sociais de cada município, assim como o próprio nome ressalta, em proximidades territoriais. Esse trabalho em especial terá como pauta os territórios de número: 14 15, 19 e 21, respectivamente Piemonte do Paraguaçu, Bacia do Jacuípe, Portal do Sertão e Recôncavo.
Ao decorrer do trabalho os aspectos geográficos, sociais e econômicos dos territórios serão discorridos levando ao objetivo maior dotrabalho, a criação de um Projeto Infraestruturante que resolva problemas localizados ou até mesmo a elaboração de aspectos competitivos antes não enquadrados como vetores de benefícios aos territórios.
O Projeto em questão estará pautado em condições reais de implantação, limitando-se aos entraves dos territórios de identidade, portanto aos problemas de infraestrutura que o estado da Bahia possui.Contudo o Projeto terá um aspecto de ao menos ser viável de acordo com a possibilidade de financiamento do próprio estado baiano, assim como a identificação de grandes benefícios não só a Bahia, mas também ao Brasil.
A maior importância do Projeto Infraestruturante não deverá ser focada no tempo de duração e dimensão, mas sim nas benfeitorias que o mesmo trará, visando à conclusão de médio à longoprazo, ou seja, ao decorrer do trabalho o leitor deve estar focado não somente nos aspectos temporais.

2. OS TERRITÓRIOS DE IDENTIDADES

2.1. PIEMONTE DO PARAGUAÇU – Nº 14

Piemonte do Paraguaçu é o território de identidade de nº. 14 que é composto, por coincidência por 14 municípios, sendo eles: Ruy Barbosa, Itaberaba, Rafael Jambeiro, Ibiquera, Boa Vista do Tupim, Iaçu, SantaTerezinha, Itatim, Lajedinho, Macajuba, Piritiba, Mundo Novo, Tapiramutá, Miguel Calmon.
A população total do território está em 289.814 mil habitantes, segundo censo 2010 IBGE – primeiros resultados, dessa totalidade 37,84% são residentes de área rural.
Na análise do índice de desenvolvimento social as cidades que se destacam positivamente são de Piritiba – 72º; Mundo Novo – 68º e Itaberaba – 69º,sendo ressaltada negativamente como a pior a cidade, Rafael Jambeiro, na posição 368º, com PIB per capita de 2.639,39, em 2006, essa que faz fronteira territorial com o Portal do Sertão, um dos territórios de identidade mais problemático da Bahia, principalmente por fatores climáticos.
Os índices de infraestrutura dentro de Piemonte do Paraguaçu são discrepantes, pois existem cidades como Itaberaba...
tracking img