Pragas de solo em cana de açúcar

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1019 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 23 de junho de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Workshop tecnológico sobre “Pragas da cana-de-açúcar” PPPP-FAPESP

PRAGAS DE SOLO EM CANA-DE-AÇÚCAR
Enrico De Beni Arrigoni enrico@ctc.com.br

Agosto/2007

CUPINS SPHENOPHORUS MIGDOLUS ELASMO HYPONEUMA TELCHIN CIGARRINHAS FORMIGAS CORTADEIRAS OUTRAS PRAGAS DE SOLO

Principais pragas de solo em cana-de-açúcar
Importância econômica:
Redução da produtividade agrícola Redução daqualidade da matéria-prima Redução da longevidade dos canaviais

Cupins da cana-de-açúcar
Espécies encontradas
MAIS IMPORTANTES Heterotermes tenuis Heterotermes longiceps Neocapritermes opacus Neocapritermes parvus Procornitermes triacifer MENOR IMPORTÂNCIA Cornitermes bequaerti Cornitermes cumulans Nasutitermes spp. Embiratermes spp. Syntermes dirus Syntermes molestus Rhynchotermes spp. Coptotermesspp. Orthognatotermes

Cupins da cana-de-açúcar
Gênero Heterotermes:

H. tenuis

Cupins da cana-de-açúcar
Gênero Heterotermes (danos):

Cupins da cana-de-açúcar
Gênero Heterotermes (danos): Rizomas

Cupins da cana-de-açúcar
Prejuízos econômicos:
Redução da produtividade: 10 t de cana/ha/ano

Cupins da cana-de-açúcar
Prejuízos econômicos:
Redução da produtividade: 10 t decana/ha/ano Redução da longevidade dos canaviais

Cupins da cana-de-açúcar
Prejuízos econômicos:
Redução da produtividade: 10 t de cana/ha/ano Redução da longevidade dos canaviais Dificulta operações agrícolas (riscos de acidentes)

Cupins da cana-de-açúcar
Principais espécies:
60 municípios – Região de Sertãozinho e Jaú (1989)
1247 talhões 7 gêneros e 10 espécies 6 a 8 espécies/usina(diversidade) Espécies mais freqüentes:

Cornitermes cumulans Heterotermes tenuis Neocapritermes opacus Procornitermes triacifer
(Arrigoni et al., 1989)

Cupins da cana-de-açúcar
Controle químico:
Plantio – cobrição Principais inseticidas
Regent 800 WG (250 g/ha – R$ 150,00/ha) Evidence 480 SC (1,2 l/ha – R$ 120,00/ha) Thiodan 350 CE (6,0 a 8,0 l/ha – R$ 75,00 a 100,00/ha) Talstar 100 CE(1,2 l/ha – R$ 120,00/ha)

Migdolus fryanus – broca dos rizomas
Espécies vegetais hospedeiras
Cana-de-açúcar Café Eucalipto Mandioca Feijão Uva Amora Pastagens Cipós nativos
Cipó-de-São-João

Migdolus fryanus – broca dos rizomas
Ciclo biológico:

Migdolus fryanus – broca dos rizomas
Danos:
Toletes de plantio

Migdolus fryanus – broca dos rizomas
Danos:
Toletes de plantio Raízes Migdolus fryanus – broca dos rizomas
Danos:
Toletes de plantio Raízes Rizomas

Migdolus fryanus – broca dos rizomas
Prejuízos econômicos:
Redução da produtividade: 30 t de cana/ha/ano Redução da longevidade dos canaviais

Migdolus fryanus – broca dos rizomas
Controle químico:
Inseticidas empregados:
Regent 800 WG (500 g/ha – R$ 300,00/ha) Thiodan 350 CE (12 l/ha – R$ 150,00/ha)Talstar 100 CE (2,4 l/ha – R$ 240,00/ha) Evidence 480 SC (3,0 l/ha – R$ 240,00/ha)

Migdolus fryanus – broca dos rizomas
Feromônio sexual

Foto: Bento, J.M.S.

Migdolus fryanus – broca dos rizomas
Controle biológico:
Nematóides entomopatogênicos (larvas) Formigas predadoras (larvas e adultos) Moscas da família Sarcophagidae (machos)

Sphenophorus levis
(Bicudo da cana-de-açúcar) Bicudos da cana-de-açúcar
Principais espécies:

Sphenophorus levis

Metamasius hemipterus

Sphenophorus levis
Ciclo biológico:

Sphenophorus levis
Distribuição geográfica (1990):

14 municípios

Sphenophorus levis
Distribuição geográfica (2006):

53 municípios

Sphenophorus levis
Danos:

Rizomas

Colmos

Sphenophorus levis
Sintomas de ataque:

Sphenophorus levisPrejuízos econômicos:
Redução da produtividade: 30 t de cana/ha/ano

Sphenophorus levis
Prejuízos econômicos:
Redução da produtividade: 30 t de cana/ha/ano Redução da longevidade dos canaviais

Sphenophorus levis
Métodos de controle:
Cultural Microbiano Químico Iscas

Sphenophorus levis
Controle biológico:

Nematóides

Metarhizium anisopliae

Beauveria bassiana

Pragas...
tracking img