Posturas docentes encontradas na realidade escolar

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1862 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 15 de outubro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
[pic]

SISTEMA DE ENSINO PRESENCIAL CONECTADO
PEDAGOGIA

BÁRBARA ESTELA ZANELLA NUÑEZ

posturas docentes encontradas na realidade escolar

Uruguaiana
2011

bárbara estela zanella nuñez

posturas docentes encontradas na realidade escolar

Trabalho apresentado ao Curso (nome do curso) da UNOPAR - Universidade Norte do Paraná, para as disciplinas AsDiretrizes Curriculares Nacionas para o Ensino Fundamental, Organização do Trabalho Docente nos Anos Iniciais do Ensino Fundamental, Fundamentos e Metodologias do Ensino de História, Fundamentos e Metodologias do Ensino de Geografia, Fundamentos e Metodologias do ensino de Língua Portuguesa.

Prof. Josilaine Nascimento, Edilaine Vagula, Cyntia Simioni, Eliane França,Juliana Fogaça.

Uruguaiana

2011

Posturas docentes encontradas na realidade escolar

Introdução

O professor-educador respeita as diferenças individuais, prepara as aulas, demonstra claramente que gosta de sua profissão, deixa os alunos em situação descontraída. É conselheiro, é amigo, é humilde, entende quando precisa mudar as estratégias. Apostura do professor, muitas vezes afetada pelo sistema e contaminada por tendências políticas, tem sido distorcida. Embora a certeza de que os fins da educação visem à auto-realização, praticamente tem sido o inverso: tanto o professor como o aluno são manipulados por leis sociais. Vive-se sob o impacto da explosão de informações e corre-se o risco de esvaziar-se a proposta da escola, todavia, oeducador não está preocupado em digerir a massa compacta de tudo o que vê e ouve. Ele orienta os indivíduos na seletividade de notícias para a compreensão da realidade.

O educador acompanha o caminho percorrido pela humanidade e, sem a pretensão de fazer milagres, vai ajudando a esclarecer a dúvida. É humilde para entender a limitação, jamais afirma que algo é imutável, entende aescola como organizadora de conteúdos e informações recebidas. O educador usa a máquina, manipula a tecnologia, mas nunca se embrutece na resposta. Usa a presença de sua magia, sem deixar-se envolver por idéias radicais. É crítico constante do próprio trabalho. Este trabalho visa refletir o impacto de cada modelo de professor na vida educacional dos alunos e fazer reflexões a cerca de experiências navida educacional e obtidas na prática de estágio.

Síntese

O tímido: Com um professor tímido os alunos acabam “tomando conta” da aula, pois os alunos acabam percebendo sua insegurança e agindo como donos da aula. Todo relacionamento humano é interativo, inclusive o de professor e aluno. Este tipo de professor predispõe o não aprendizado dos alunos, poissu postura intimistanão permite interação nem exposição e debate do tema estudado, ou seja, os alunos aprendem pouco. Pontos positivos: são poucos, pois na verdade é um desperdício de talento. Pontos negativos: sua timidez atrapalha a interação com os alunos e nas avaliações costuma exigir muito mais do que conseguiu ensinar.

O egocêntrico: O professor egocêntrico ocupa tanto tempoexibindo-se com seus cursos e conhecimentos que acaba ficando com tudo para si mesmo. Ele está tão acima de tudo e de todos, que parece tão ilustre e intocável que proporciona baixa estima dos alunos por sentirem-se inferiores em relação ao professor, ficam desestimulados pois o professor é o detentor de todo o conhecimento e os alunos acham que, comparados ao educador, não sabem nada e nãoencontram motivos para saber tanto. Pontos positivos: esse professor trabalha sua matéria conforme planejou, e não se deixa influenciar por atrasos, incidentes ou outros movimentos. Pontos negativos: o rendimento dos alunos é prejudicado.

Erudito: Esse professor é totalmente alheio a realidade dos educandos. Ele sabe tudo. Ele cita autores que os alunos não conhecem. Fala palavras que...
tracking img