Portos

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 10 (2413 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 16 de novembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Universidade Veiga de Almeida

UVA

GRADUAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO DE EMPRESAS

BENEFÍCIOS DIRETOS PARA ASOCIEDADE COM A PRIVATIZAÇÃO DOS PORTOS

AUTORES: Cristina de Jesus Lima

Orientador: João Gonzales

Rio de Janeiro

2011
Trabalho Inicial da Matéria de monografia I

FICHA CATALOGRÁFICA

Lima, Cristina de Jesus.

Benefícios diretos para a sociedade com a privatização dosportos./ Cristina de Jesus Lima – Rio de Janeiro, 2011

Taralho Inicial da Matéria de Monografia I curso de Administração de Empresas. Universidade Veiga de Almeida (UVA), 2011. Orientador: João Gonzáles.

1. Privatização no Brasil. 2. Privatização dos Portos. 3. Sistema Portuário Brasileiro. 4. Benefícios e Sociedade.

I. Gonzáles, João (Orient.). II. Veiga de Almeida. III. Benefícios diretospara a sociedade com a privatização dos portos.

AGRADECIMENTOS

RESUMO
LIMA, C. JESUS, Benefícios diretos para a sociedade com a privatização dos portos. Orientador Professor João Gonzáles. Rio de Janeiro 2011. Universidade Veiga de Almeida. Trabalho de Monografia I (Graduação em Administração de Empresas)
A evolução do comércio exterior está intimamente vinculada ao desenvolvimento docomércio internacional desde a promulgação da Lei 8630 em 1993 até final de 2005, vultuosos investimentos forma aplicado.. No Brasil, elos da cadeia logística, os portos e operações privadas, têm particular importância uma vez que sua evolução tem uma influência direta no desenvolvimento no nosso comércio exterior.
Nossas exportações têm crescido substancialmente. No entanto, existem, ainda,muitos dados e barreiras, externas e internas, que precisam ser superadas e entendidas.
De um modo geral, os portos nacionais vêm se reequipando, ampliando as suas instalações, se reestruturando dentro de modernos padrões administrativos e, aos poucos, adquirindo os meios materiais e tecnológicos, além de qualificar a sua mão-de-obra para alcançar níveis operacionais que minimizem os custosportuários.
Esta pesquisa procura avaliar a situação atual do comércio exterior brasileiro, os esforços que vêm sendo realizados para a conquista de novos mercados e de que maneira o aumento dos resultados positivos refletem de maneira direta na nossa sociedade.
Procura também identificar as barreiras internas e externas às nossas exportações e avalia, ainda, o atual estágio do sistema portuário nacional.Dentre eles, procura identificar as possíveis conseqüências do processo de acordo com lei 8.630.
Identificados os dados, faz uma breve análise comparativa dos investimentos no setor e resultados para o nosso estado, e finalmente, apresenta sugestões com o propósito de contribuir para o desenvolvimento do comércio exterior brasileiro.

ABSTRACT
(Providenciar alguém para me ajudar a traduzir)SUMÁRIO

1.1 Introdução
1.2 Objetivo e Justificativa
1.3 Metodologia

2. REVISÃO DE LITERATURA

2.1 Logística
2.2 Principais Agências e Associações do Setor Portuário

3. SISTEMA PORTUÁRIO E OS IMPACTOS DA PRIVATIZAÇÃO NO SISTEMA
3.1 Estrutura Regulatória dos Portos
3.2 Situação dos Portos Após a Privatização
3.3 Resultados da Privatização – Situação dos Portos
3.4 Caso PortoRio de Janeiro – Meados do Século XIX 21 – Atual Porto do Rio de Janeiro
3.5 Competição entre os operadores Portuários Após a privatização
3.6 Entraves ao Processo de Privatização
3.7 Mudanças de Regras (ANTAQ)
3.8 Burocracia nos Portos

4. CABOTAGEM – IMPACTOS DA PRIVATIZAÇÃO

4.1 Cabotagem – Histórico e Retomada do Serviço
4.2 Cabotagem – Relevância e Regulação
4.3 Crescimento daCabotagem de Contêineres
4.4 Gargalos ao Crescimento da Navegação da Cabotagem
4.5 Dinâmica de estruturação do serviço de cabotagem

ORGÃOS E ABREVIATURAS ENVOLVIDOS NA PESQUISA

ABRATEC - Associação Brasileira dos Terminais de Containers de Uso Público

ANTAQ - Agência Nacional dos Transportes Aquaviários

AFRMN - Adicional ao Frete para Renovação da Marinha Mercante

ANVISA - Agência...
tracking img