Portaria 518

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 15 (3715 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 6 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Faculdade Presidente AntOnio Carlos – Fupac
Departamento de Engenharia Química
Engenharia Química

MÉTODOS ANALÍTICOS NO CONTROLE DA ÁGUA PARA CONSUMO HUMANO

Ipatinga
2012

MÉTODOS ANALÍTICOS NO CONTROLE DA ÁGUA PARA CONSUMO HUMANO

Trabalho de microbiologia sob a supervisão do professor Jorgino Júlio César.
Este trabalho tem como objetivo geral analisar o processo de água para oabastecimento público, através da compreensão da portaria nº 518 de 25/03/04,artigo e literaturas afins .

Ipatinga
2012

Agradecimento
Agradeço ao coordenador e delegado do conselho regional de química, delegacia de Ipatinga, William Argolo Saliba por colaborar com materiais referentes ao tratamento de águas e efluentes.

A persistência é o menor caminho para o êxito.
Charleschaplin.
Resumo
Após uma breve introdução com o objetivo de levantar informações gerais sobre a água. Foram discutidos e analisados a legislação de tratamento de água no Brasil e suas técnicas de tratamentos convencionais. Em seguida busca-se relacionar os dados aferidos do artigo com as respectivas teorias. Ao final do processo será possível estabelecer se tais normas são cumpridas naprática.
Palavras-chave: Água. Saúde. Abastecimento de água. Lei. Qualidade. Tratamento de água.

Abstract
The minister of state for health, using the legal powers given to him, decided to establish legal procedures and responsibilities for the control and surveillance of water quality for human consumption and its pattern of potability, among other measures. I'll do an extensive review, examiningthe rules, both sides on this important legislation.
Keywords: Water. Health. Surveillance. Quality control.

Listra de ilustrações

Tabela I………………………………………………………………………………………22
Tabela II………………………………………………………………………..…………….22
Tabela III……………………………………………………………………………………23
Tabela IV………………………………………………………………………..…………….24
Tabela V………………………………………………………………………………..….…24
TabelaVI………………………………………………………………………..…………….25
Tabela VII……………………………………………………………………………………26
Tabela VIII…………………………………………………………………………………26
Tabela IX………………………………………………………………………..…………….27

Lista de abreviaturas e siglas

V.S. – Vigilância sanitária
SUS – Sistema únicode saúde
SVS – Serviço de vigilância de saúde
MP – Ministério público

Sumário

1 Introdução………………………………………………..……….………………10
2Desenvolvimento…….…………………………………………..…………..….11
2.1 Capítulo I – Das disposições preliminares ……………………………..…..…………11
2.2 Capítulo II – Das definições …………..……………………………………..……11-13
2.3 Capítulo III Dos deveres e das responsabilidades……………………….……...…13-15
2.3.1 Seção I – Nível federal………………………………………..…………...…….13
2.3.2 Seção II - Nível estadual e distrito federal ……………….……………….……13
2.3.3 Seção III – Do nível municipal…………….……………………………...……14
2.3.4 Seção IV – Dos responsáveis pela operação de sistema e/ou solução alternativa
………………………………………………………………………….……14-15
2.4 Capítulo IV – Do padrão de portabilidade ………………….………………..……15-17
2.5 Capítulo V – Dos planos de amostragem……………..………………………….……17
2.6 Capítulo VI – Das exigências aplicáveis aos sistemas e soluções alternativas deabastecimeto de água....……………………….……………......…17-18
2.7 Capítulo VII – Das penalidades ……………..……………………………………..…18
2.8 Capítulo VIII – Das disposições finais.………………………………………….……18
3 Conclusão……………………………………………………….……………….…19
Referências Bibliográficas………..……………...…………………………20Anexos………………………………..…...……….………………………………...21
ANEXOS GRÁFICOS…………………………………………….………..………22-27

10
1 Introdução
A nova lei, disposta em sete capítulos, se dispõe em 6 capítulos, que regulamentam a nova lei em questão, que são dispostas abaixo em ordem respectiva.
Ficou aprovado a norma de...
tracking img