Politica

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 19 (4527 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 28 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
MOÇAMBIQUE NO MUNDO
A COMPETIÇÃO SUBTIL
Abdul Magid Osman | Nelson Saúte

INTRODUÇÃO
Para compreender ou equacionar a posição de Moçambique no Mundo, é necessário empreender, ainda que sucintamente, um quadro histórico das alterações dramáticas que ocorreram no passado (longínquo e recente) ao nível da região austral de África – cuja influência é
decisiva — e ao nível planetário — sobretudoa correlação de forças entre o Ocidente e o chamado Bloco Socialista —, cujas tensões, no contexto da Guerra Fria, por exemplo, são representativas da dimensão, extensão e consequências do conflito —, o que não só marca o
posicionamento de Moçambique, mas lhe determina o percurso perante estas transformações,
algumas das quais absolutamente vorazes.
Moçambique procede de uma relação, quasesempre complexa, entre o centro e a periferia,
onde a solidariedade e o conflito se cruzam permanentemente. Desapoiado pelo Ocidente
aquando da sua emancipação política, primeiro, irá encontrar no bloco socialista, o apoio necessário para encetar a luta que está na origem da sua independência política.
Também é importante pensar a relação com uma economia semiperiférica, como a sul-africana,semiperiférica no plano global, mas absolutamente central tendo em vista os países que
gravitam à sua volta, de onde podemos assacar uma interdependência que não se pode iludir.
Neste contexto, é importante atentar à política de “engajamento construtivo”, o “instrumento”
utilizado para retirar Moçambique da esfera de influência do chamado “bloco comunista”.
Acrescente-se que a exigência para aobtenção da ajuda de que o país dramaticamente necessitava nos tremendos anos 80, em plena emergência, seria a sua adesão ao Banco Mundial e do
FMI, ou seja a adequação da sua política económica ao chamado “Consenso de Washington”.
A inserção de Moçambique na economia global tem de ter em conta o facto de estar a emergir um novo paradigma nas relações económicas e políticas mundiais com o surgimentodos
chamados BRIC – Brasil, Rússia, Índia e China — com particular destaque para o último, com
a concentração anormal de riqueza nos países produtores de petróleo e com novas formas de
luta, em particular pelos militantes muçulmanos que obrigam à revisão da doutrina militar.
Moçambique no Mundo Desafios para Moçambique 2010 325

Por isso, há, para além dos habituais parceiros do Ocidente,novos actores na definição dos
contornos da economia moçambicana.
Ao nível da sub-região, os contornos das relações económicas de Moçambique e a África do
Sul e o desenvolvimento dos sectores energético, ferro-portuário e do turismo, são de uma importância vital. Moçambique é claramente dependente do seu vizinho, mesmo no que se refere
às suas relações ao nível global, o que obriga o país aprocurar afirmar-se com subtileza e de uma
forma firme para desenvolver e fazer valer os seus interesses nacionais.
O país não se pode alhear destes fenómenos planetários e sub-regionais e é necessário equacioná-los no quadro do futuro imediato e a médio e longo prazos, quando se pensa Moçambique no Mundo.

A ECONOMIA NOS PRIMEIROS ANOS DA INDEPENDÊNCIA NACIONAL
Devido a circunstânciashistóricas e geopolíticas traduzidas no apoio do Ocidente — primeiro
expresso e mais tarde camuflado —, para manter e perpetuar a situação colonial, a Frelimo foi
“empurrada” a buscar o apoio do bloco socialista, mais disponível, na altura, para apoiar as lutas
de libertação nacionais.
A recusa do apoio do Ocidente expressa-se na recusa de fornecimento de material bélico aos
combatentes de libertaçãonacional e na recusa em aplicar sanções económicas à potência
colonizadora – Portugal.
Esta recusa de apoio militar mantém-se quando Moçambique independente tem de enfrentar
a guerra de desestabilização promovida pelo regime de Ian Smith (ex-Rodésia) e, mais tarde,
pelo regime de apartheid da África de Sul. Durante este período de guerra de desestabilização,
a dependência em termos de...
tracking img