Platao

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1093 palavras )
  • Download(s) : 1
  • Publicado : 29 de agosto de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Política para Platão.
A política para Platão foi uma das suas grandes paixões ao lado da poesia e, evidentemente, da filosofia. Ele criou a idéia do rei-filósofo ou o estadista, educado na filosofia, capaz de levar o mundo das idéias para a realidade prática, dedicado a utilizar a inteligência para dar ordem às coisas. Todo o projeto político platónico foi traçado a partir da convicção de que aCidade-Estado ideal deveria ser obrigatoriamente governada por alguém dotado de uma rigorosa formação filosófica.
Platão acreditava que existiam três espécies de virtudes baseadas na alma, que corresponderiam aos estamentos da pólis: a primeira virtude era a da sabedoria, deveria ser a cabeça do Estado, ou seja, o governante, pois possui caráter de ouro e utiliza a razão.A segunda espécie devirtude é a coragem, deveria ser o peito do Estado, isto é, os soldados ou guardiões da pólis, pois sua alma de prata é imbuída de vontade. E, por fim,a terceira virtude, a temperança, que deveria ser o baixo-ventre do Estado, ou os trabalhadores, pois sua alma de bronze orienta-se pelo desejo das coisas sensíveis.
Comparação
No Político, Platão fala de um tempo em que os homens brotavam da terra.Tudo brotava da terra. Havia, portanto, abundância e os homens não precisavam trabalhar.Esse foi um tempo primeiro, ainda sem a existência do social. E fala de um segundo tempo em que os homens, graças a ajuda dos deuses, aprendem as artes da agricultura, do uso do fogo e da transformação dos metais. Esse é o tempo em que os homens aprendem a viver em sociedade, o tempo em que a sua autonomiaserá proporcionalmente à sensibilidade de conviver e ter consciência dos seus limites, tanto da sua origem primitiva como das suas fragilidades físicas.
O Político deveria ser justamente o organizador social. Sábio em pensamento e ação, rígido de caráter, flexível na união da vontade enérgica e na moderação. Um homem real, comum, unido no homem político.
O político exerce papel central da vidabrasileira. Vivemos um momento de cilada quase absoluta: muito jogo de poder, muito jogo de interesse, muito discurso, ação escassa. É preciso criar uma cultura de cidadania, um autêntico estado de direito, uma democracia autêntica e participativa. Caso contrário, seremos uma nova versão dos homens que brotavam da terra descritos por Platão. Homens que viviam em mundos paralelos sem se dedicar àconstrução social. Homens que apenas aproveitavam da abundância para viver sem se dedicar à criação do conhecimento, à construção de alicerces solidários da existência. Homens que apenas consumiam e se auto-consumiam. Tanto que desapareceram sem deixar vestígios e foram tragados pela terra de onde vieram.
O mito dos homens que brotam da terra quer dizer exatamente isso. De que adianta ter a abundânciase dela nada se faz de criativo? Transposto para Brasil dos dias atuais poderíamos indagar: de que adianta crescer e redistribuir, se bem que muito timidamente, a renda, se a educação não avança, a Justiça não se democratiza, a política não se humaniza e os valores éticos não são entronizados na rotina do Estado, de toda a superestrutura de poder?

A política idealista de Platão em contraste coma política brasileira porque Platão dizia que um político deve desenvolver habilidades tais como saber cardar e fiar, porque um dos seus afazeres maiores é conseguir misturar o tecido maior e melhor com o menor e o pior (isto é, encontrar o equilíbrio entre os fortes e poderosos e os mais fracos e indefesos).
Hoje a realidade é bem diferente do que Platão exclamava, pois a maioria dos políticosnão estão preocupados com os mais pobres, eles só se importam com os mais ricos,ou seja, com aqueles que possam de alguma forma os favorecerem. Não há nenhum equilíbrio entre as camadas sociais, Para Platão o objetivo da política é, primeiro, descobrir a maneira de viver que leva à felicidade human,a isto é, sua situação material, e, depois, a forma de governo e as instituições sociais capazes...
tracking img