Platao

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 4 (862 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 12 de maio de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
SÓCRATES E PLATÃO

TED DE INTRODUÇÃO A FILOSOFIA

Eu sou alguém que caminha, que busca e aprende. Os nossos juízos a respeito da realidade podem ser verdadeiros ou falsos. Está aí a importânciada máxima de Sócrates, conhece-te a ti mesmo.
O ser humano desenvolve segundo suas necessidades de sobrevivência, adaptando-se a condição do meio. Existem características comuns aos seres vivos, mas ohomem possui capacidade especial de pensar, o que lhe permite não apenas conviver com a realidade, como também conhecê-la. Conhecer a realidade significa compreendê-la e explicá-la.
A reflexãofilosófica nos mostra a realidade como uma série de ocorrências que podemos analisar, criticar, alterar, acolher ou rejeitar.
Sócrates cidadão admirado e enaltecido por alguém, particularmente pelosjovens, era, entretanto, criticado e combatido por outros, que nele viam uma ameaça para as tradições da polis e um elemento pernicioso à juventude. Em seus pensamentos, demonstra uma necessidade grande delevar o conhecimento para os cidadãos gregos. Seu método de transmissão de conhecimentos e sabedoria era o diálogo. Através da palavra o filósofo tentava levar o conhecimento sobre as coisas do mundoe do ser humano. Mas dialogar de modo a fazê-la tentar justificar os conhecimentos, as virtudes ou as habilidades que lhes eram atribuídos. Sócrates emitia opiniões referentes a sua própriaespecialidade, para em seguida interrogar a respeito do sentido da palavra empregada. O resultado das questões habilmente formuladas por Sócrates que alegava que “apenas sabia que nada sabia”, era comfreqüência, tornar patente a fragilidade das opiniões de seus interlocutores, a inconsistência de seus argumentos, a obscuridade de seus conceitos. Colocados à prova, muitos supostos talentos e muita reputaçãode sapiência revelavam-se infundados. Evidenciava-se a ignorância da própria ignorância. Situação que, não sendo ultrapassada, prenderia a alma num estéril engano e, deixá-la-ia distante de si...
tracking img