Plano de emergencia em aeroporto

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 13 (3195 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 19 de agosto de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Prevenção de Acident es
Plano de Emergência
Aeronáuti ca em Aeródrom o
1 / 11
PLANO DE EMERGÊNCIA
AERONÁUTICA EM AERÓDROMO









CONTEÚDO




Introdução
Definições Estabelecidas
em Diretriz Específica
O Plano de Emergência
Conclusão











Prevenção de Acident es
Plano de Emergência
Aeronáuti ca em Aeródrom o2 / 11
I - I NTRODUÇÃO
Como a expressão "emergência aeroportuária" adquire várias interpretações no meio aeronáu-
tico, gerando, por vezes, interpretações contraditórias entre os próprios integrantes dos órgãos
que atuam em um aeroporto, a INFRAERO adotou a expressão "emergência em aeroporto",
para se referir, em sentido genérico, às anormalidades como tais caracteriz adas, queenvolvam
a área do aeródromo, e adjetivam cada uma dessas ocorrências, com a expressão que melhor
a identifique, e que integram o Plano de Emergência (PLEM) de cada Aeroporto.

I I - DEFI NI ÇÕES ESTABELECI DAS EM
DI RETRI Z ESPECÍ FI CA
As seguintes expressões foram extraídas de documentos específicos e são assim definidos:
1) Emergên cia em Aeroporto
As emergências em aeroporto sãocaracterizadas pela interferência parcial ou total em suas a-
tividades operacionais, requerendo, para tanto, providências urgentes por parte da administra-
ção aeroportuária, para sanar as conseqüências, adversas porventura advindas de tais ocor-
rências.
Considerando que as conseqüências de uma emergência colocam em risco a segurança de
pessoas, aeronaves e instalações, a administraçãodo aeroporto deverá dispor dos meios ne-
cessários para emprego nessas circunstâncias, bem como de instruções específicas para a sua
utilização e que deverão constar do PLEM.

2) Plano de Emergência (PLEM )
O Plano de Emergência (PLEM) é o documento instituído pela INFRAERO nos aeroportos por
ela administrados e elaborado pelas respectivas superintendências, com a finalidade deorien-
tar a execução das ações a serem desencadeadas no caso de ocorrerem as seguintes
anormalidades:

• EMERGÊNCI A AERONÁUTI CA;
• EMERGÊNCI A MÉDI CA;
• EMERGÊNCI A POR MATERI AI S PERI GOSOS;
• EMERGÊNCI A POR DESASTRES NATURAI S;
• EMERGÊNCI A POR I NCÊNDI O EM I NSTALAÇÕES;
• EMERGÊNCI A POR PARALI SAÇÃO DE ATI VI DADES;
• EMERGÊNCI A POR TUMULTOS;
• EMERGÊNCI A PORASSALTOS.


Prevenção de Acident es
Plano de Emergência
Aeronáuti ca em Aeródrom o
3 / 11
Estão incluídos no PLEM os procedimentos previstos para constituírem planos de emergência
específicos em normas de órgãos centrais de sistemas do Ministério da Aeronáutica:

• Plano de Emergência Aeronáutica em Aeródromo (PEAA) - instituído pelo CENI PA, através
da NSMA 3-4; e
• Planode Emergência Aeroportuária - adotado pelo DAC, através da NOSER 2501.
A concepção de PLANO DE EMERGÊNCIA adotado pela INFRAERO é mais abrangente, tem
por finalidade assegurar a eficiência das ações por parte dos seus integrantes e guarda con-
formidade com as normas da OACI que recomenda a inclusão, em um único documento, de to-
dos os procedimentos para as diversas modalidades deemergência que possam ocorrer em
um aeroporto.

3) Car acterização da Emergência Aer onáutica
A INFRAERO caracteriza como EMERGÊNCIA AERONÁUTICA, a situação de perigo em que
se encontra uma aeronave e seus ocupantes que se destinam ou tenham partido de aeródromo
sob sua administração e que requeira o acionamento dos meios e a execução das ações pre-
vistas no PLEM.
Os procedimentosreferidos nesta parte do PLEM correspondem aos definidos para a PEAA
para aeronaves em perigo em decorrência de anormalidade técnico-operacional.

4) Gradação da Emergência Aeronáutica
São adotadas, no PLEM, as seguintes gradações para avaliar o grau de perigo em que se en-
contra uma aeronave em emergência, com a finalidade de auxiliar na mobiliz ação adequada
dos meios de socorro:...
tracking img