Plano de aula

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 30 (7404 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 14 de fevereiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
COLÉGIO ESTADUAL PADRE CARMELO FUNDAMENTAL, MÉDIO E PROFISSONAL. ENSINO FUNDAMENTAL E ENSINO MÉDIO Língua Portuguesa Apresentação da disciplina

PERRONE



ENSINO

O trabalho com a Língua Portuguesa deve propiciar ao aluno a conscientização de que, por meio da linguagem, atribuímos sentido ao mundo, que através dela influenciamos e somos influenciados, enfim, é preciso possibilitar umavisão geral que dê condições ao educando de compreender a dimensão do processo comunicativo como um mecanismo através do qual se estabelecem as relações de poder. De acordo com as diretrizes, “refletir sobre o ensino da Língua e da Literatura implica pensar também as contradições, as diferenças e os paradoxos do quadro complexo da contemporaneidade” (DCEs, 2008, p. 48). E, nesse quadro, de rapidezdas mudanças ocorridas no nosso meio social, requer de nós, professores, um repensar da nossa ação pedagógica. Pois, ensinar Língua e Literatura, na visão da linguagem enquanto processo de interação, implica, indiscutivelmente, perceber as inúmeras relações de poder presentes nos discursos que atravessam o campo social. Seguindo essa linha teórica, cabe ressaltar as contribuições de Bakhtin emrelação ao caráter da linguagem enquanto interação e carregada de ideologias, considerando que “a palavra é o fenômeno ideológico por excelência (...) é o modo mais puro e sensível de relação social.” (Bakhtin, 1999, p. 36). Ainda, ancorando-se no mesmo autor:
A palavra penetra em todas as relações entre indivíduos, nas relações de colaboração, nas de base ideológica, nos encontros fortuitos da vidacotidiana, nas de caráter político, etc. As palavras são tecidas a partir de uma multidão de fios ideológicos e servem de trama a todas as relações sociais em todos os domínios (BAKHTIN/VOLOCHONOV, 1999, p. 41).

Ainda nesse viés, procurando apoio nas contribuições bakhtinianas, que também norteiam a base teórica das Diretrizes, propõe-se um trabalho

pedagógico com a LínguaPortuguesa/Literatura, considerando o processo dinâmico e histórico dos agentes na interação verbal, tanto na constituição social da linguagem, quanto dos sujeitos que por meio dela interagem. E, nesse modo de entender a linguagem, a língua se configura como resultante de um trabalho coletivo, portanto, também sócio-histórico. Por isso, o trabalho com o texto novamente se destaca nessa concepção, entendido aqui,como lugar onde os participantes da interação dialógica se constroem e são construídos. Todo texto é assim, articulação de discursos, são vozes que se materializam, é ato humano, é linguagem em uso efetivo (BAKHTIN, 1999). Por isso, é importante que o trabalho com o texto seja pautado nos gêneros do discurso – outro conceito apontado por Bakthin. Neste sentido, vale ressaltar o que se preconizanas Diretrizes, quando reiteram que precisamos propiciar ao aluno a prática, a discussão e a leitura de textos das diferentes esferas sociais, para que, através das práticas discursivas, ocorra não só o letramento, mas também, o multiletramento. (DCEs, 2008, p. 50) Diante disto, entende-se que as práticas da linguagem, enquanto fenômenos de uma interlocução viva, perpassam todas as áreas do agirhumano, potencializando na escola uma perspectiva interdisciplinar, contextualizada e que se leve em conta a diversidade, a pluralidade de discursos (variedades linguísticas), não somente a variedade culta. Porém, o educando precisa conhecer e ampliar o uso dos registros socialmente valorizados da língua, uma vez que a língua é instrumento de poder. Portanto, nesse enfoque, deve-se propor atividadesnão só metalinguísticas, mas também outras que levem à reflexão sobre as normas da língua, o uso e articulação das mesmas para produção de diferentes sentidos e a funcionalidade, dependendo do contexto e da finalidade de um determinado ato discursivo. Conteúdos O conteúdo estruturante da disciplina de Língua Portuguesa compreende o “Discurso como prática social”, sendo os gêneros discursivos os...
tracking img