Planejamento de obras

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1837 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 22 de setembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Planejamento de Obras
(Estudo Preliminar)
(Anteprojeto)
(Projeto Básico)
(Projeto Executivo)

De uma forma geral, o planejamento de uma obra é composto pelas seguintes etapas: Estudo Preliminar, Anteprojeto, Projeto Básico ou Pré-executivo e Projeto Executivo.

Estudo Preliminar

O Estudo Preliminar deve caracterizar bem o objetivo da obra. Nesta etapa deverá seranalisada a exeqüibilidade da obra, considerando os recursos disponíveis e a relação custo x benefício. O Estudo deve apresentar a ordem de grandeza do custo total do empreendimento assim como do prazo necessário para o seu desenvolvimento. Este Estudo deve conter, ainda, um modelo, gráfico ou descritivo, que permita identificar o programa de implantação da obra.

É uma estimativaaproximada, preparada sem dados detalhados de engenharia, baseada em fatores de ajuste de capacidade, índices típicos, curvas de correlações entre áreas (m²) e custos, dados históricos de projetos anteriores e de literatura especializada.

Nesta fase, conforme o INSTITUTO DE ENGENHARIA DE SÃO PAULO (1993, p.83), numa analogia ao capítulo que trata da EngenhariaEstrutural, “eventualmente, a etapa conterá serviços preliminares, tais como levantamentos topográficos, sondagens, pareceres técnicos e outros” os quais elaborados para fins do planejamento da obra.

Ante-projeto

Nesta etapa já deve haver, necessariamente, um modelo gráfico, um resumo descritivo da obra e, portanto, definição em linhas gerais do padrão de qualidade da obra,além de uma melhor definição do custo e de prazo necessários para realização da obra.

Projeto Básico ou Pré-executivo

O projeto básico também é comumente chamado de pré-executivo foi regulamentado através da Resolução nº 361/91 do CONFEA. Posteriormente, por ocasião da publicação da Lei nº 8.666/93 também passou a definir o conceito e as características de projeto básico. O materialpublicado na Lei não invalidou a Resolução até mesmo porque, estabelecem diretrizes muito semelhantes.

A seguir, seguem os trechos mais relevantes da Resolução nº 361/91 para fins do presente trabalho:

“Art. 1º - O Projeto Básico é o conjunto de elementos que define a obra, o serviço ou o complexo de obras e serviços que compõem o empreendimento, de tal modo que suascaracterísticas básicas e desempenho almejado estejam perfeitamente definidos, possibilitando a estimativa de seu custo e prazo de execução”.
[...]

“Art. 3º - As principais características de um Projeto Básico são:
a) desenvolvimento da alternativa escolhida como sendo viável, técnica, econômica e ambientalmente, e que atenda aos critérios de conveniência de seu proprietário e da sociedade;
b)fornecer uma visão global da obra e identifica seus elementos constituintes de forma precisa;
c) especificar o desempenho esperado da obra;
d) adotar soluções técnicas, quer para conjunto, quer para suas partes, devendo ser suportadas por memórias de cálculo e de acordo com critérios de projeto préestabelecidos de modo a evitar e/ou minimizar reformulações e/ou ajustesacentuados, durante sua fase de execução;
e) identificar e especificar, sem omissões, os tipos de serviços a executar, os materiais e equipamentos a incorporar à obra;
f) definir as quantidades e os custos de serviços e fornecimentos com precisão compatível com o tipo e porte da obra, de tal forma a ensejar a determinação do custo global da obra com precisão de mais ou menos 15%(quinze por cento);
g) fornecer subsídios suficientes para a montagem do plano de gestão da obra;
h) considerar, para uma boa execução, métodos construtivos compatíveis e adequados ao porte da obra;
i) detalhar os programas ambientais, compativelmente com o porte da obra, de modo a assegurar sua implantação de forma harmônica com os interesses regionais.

Art. 4º - O...
tracking img