Petrogas

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 59 (14675 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 26 de agosto de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Introdução do Petróleo em Angola

A zona marítima, juntamente com a costa angolana, está dividida em 74 blocos de exploração em águas superficiais, profundas e ultra-profundas, das quais apenas cerca de 30 estão actualmente em operação.
A maior parte do seu crude é actualmente produzida em mar alto nos Blocos 0, 14, 15 e 17. A maior parte do crude angolano é de graus leves e doces, mas algunscampos de águas profundas, tais como Dalia e Kuito, têm petróleos mais pesados. É crude médio a leve (30° a 40°API) com baixo índice de enxofre (0,12% - 0,14%).

A História do sector petrolífero em Angola

A prospecção e pesquisa de hidrocarbonetos em Angola começaram em 1910, quando foi realizada a concessão de petróleo de uma área de 114.000 km2 na costa do Congo e na Bacia de Kwanza àempresa Canha & Formigal. O primeiro poço foi perfurado em 1915.
A Pema (Companhia de Pesquisas Mineiras de Angola) e a Sinclair sedeada nos EUA estiveram também, desde cedo, envolvidas na actividade de prospecção e pesquisa em Angola. Após um breve hiato, a actividade foi retomada em 1952 com uma concessão à Purfina na mesma área. Em 1955, a Plataforma Continental foi adicionada à sua extensão.Igualmente, em 1955, o petróleo foi descoberto no vale terrestre de Kwanza pela Petrofina, que juntamente com o governo colonial português, estabeleceu a co-companhia Fina Petróleos de Angola (Petrangol) e construiu uma refinaria em Luanda para processar o petróleo.
Em 1962, o primeiro exame sísmico do mar de Cabinda foi realizado pela empresa de Petróleo do Golfo de Cabinda (ChevronTexaco) e, emSetembro desse mesmo ano, surgiu a primeira descoberta.
Em 1973, o petróleo transformou-se na principal exportação de Angola. Em 1974, a produção alcançou 173.000 barris por dia que era a produção máxima para o período colonial. Em 1976, a produção total era de cerca de 100.000 barris por dia em três áreas: Costa de Cabinda, Terra de Kwanza e Terra do Congo. Entre 1952 e 1976, foram realizados30.500 km2 de exames sísmicos 2D, foram perfurados 368 poços para prospecção e pesquisa e foram perfurados 302 poços para a produção de petróleo. Durante este período, foi descoberto um total de 23 locais, 3 dos quais eram em mar alto. A produção subiu firmemente, para 490.000 barris por dia, em 1994, e depois 740.000 barris por dia em 2001. Nesse ano, um conjunto de grandes campos de águas profundasque já tinham sido descobertos desde 1996 começou a jorrar, marcando o começo de uma nova onda na produção. A produção alcançou 861.000 de barris por dia em 2003, 981.000 de barris por dia em 2004 e 1,2 milhão de barris por dia em 2005.
A exploração em águas profundas começou em 1991 com a concessão do Bloco 16, seguida pelas concessões dos Blocos 14, 15, 17, 18 e 20. Mais de 200 poços deexploração e avaliação foram perfurados em Angola desde 1990. No início de 2000, havia 29 Blocos ao largo da costa e na costa sob licença a 30 empresas e destas 14 eram operadores.
A primeira plataforma FPSO (Flutuação, Produção, Armazenamento e Descarga) ao largo da costa de Angola surgiu em Dezembro de 1999 e foi usada para o projecto Kuito no Bloco 14. Desde Agosto de 2003, a maior FPSO do mundo surgiucom o projecto Kizomba A no Bloco 15. Os projectos nos Blocos 17 e 18 também requeriam o uso de uma FPSO assim como o campo petrolífero de Sanha que requer uma LNG-FPSO, a maior da sua espécie no mundo.

Geologia
Os movimentos das placas tectónicas conduziram à abertura do Atlântico Sul durante o período Cretácico há cerca de 130 milhões de anos, quando as falhas se desenvolveram, parainicialmente serem ocupadas por lagos de água doce.
Uma sequência dessas falhas desenvolveu-se progressivamente para oeste à medida que os continentes se afastavam, cada um tendo o seu próprio conjunto particular de circunstâncias geológicas. As rochas, fonte rica de petróleo, ficaram na parte inferior da sequência nas falhas iniciais e na parte superior da sequência nas falhas mais tardias. O mar...
tracking img