Perspectiva

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 15 (3618 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 20 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
[pic]






P E R S P E C T I V A










































Maio, 2011
P E R S P E C T I V A






Definição
[pic]




[pic]


Construção geométrica de uma perspectiva. Gravura por Henricus Hondius




Define-se a perspectiva como a projeção em uma superfície bidimensional de um determinadofenômeno tridimensional. Para ser representada na forma de um desenho (conjunto de linhas, formas e superfícies) devem ser aplicados mecanismos gráficos estudados pela Geometria Descritiva, os quais permitem uma reprodução precisa ou analítica da realidade tridimensional.

O termo perspectiva vem do latim perspicere, ver através de, e é a representação gráfica dos objetos como visto por nossos olhos,com três dimensões.

O fenômeno perspéctico manifesta-se especialmente na percepção visual do ser humano, que faz com que o indivíduo perceba, por exemplo, duas linhas paralelas como retas concorrentes.


Origens
[pic]



Ainda que a perspectiva seja um dos principais campos de estudo da Geometria Descritiva, seu estudo é bastante anterior a ela. Os povos gregos já possuíam alguma noção dofenômeno perspéctivo, denominando-o "escorço". Durante o período medieval, não só a técnica representativa da perspectiva se perdeu, mas também a visão de mundo dos indivíduos alterou-se, de forma que grande parte do conhecimento teórico a respeito do assunto se perdeu. Foi durante o período do Renascimento que a perspectiva foi profundamente estudada e desvendada, abrindo o caminho para o seuestudo matemático através da Geometria Descritiva, que a sistematizou.


[pic]


Nave central Igreja de San Lorenzo.Brunelleschi. Milão. Século XV


A percepção pelo homem de que seria possível representar em planos bidimensionais realidades tridimensionais ocorre paralelamente à própria História da Arte Ocidental e à História do Desenho. Ao longo de sua história, o homem sempre procurouutilizar-se dos suportes artísticos como meio de expressão. Porém, tratou-se de uma questão essencialmente ocidental a busca de uma reprodução fiel da visão humana no plano bidimensional: nota-se que na arte oriental tal preocupação, ainda que não desapareça, manifesta-se com outras intenções.

Em meados do século XIX, quando ocorre um contato maior entre Ocidente e Oriente, o diálogo entre a arteoriental e aquela praticada no ocidente (até então baseada em cânones que remontam ao Renascimento italiano) cria condições para que a própria visualidade ocidental venha a revolucionar-se: pintores ligados ao impressionismo, pós-impressionismo e ao art nouveau sentir-se-ão bastante influenciados por aquilo que se chamou japonismo e abriram caminho para o desmonte da perspectiva clássica e,consequentemente, da própria forma de ver do homem.

Antes do surgimento da perspectiva, as pinturas e desenhos normalmente utilizavam uma escala para objetos e personagens de acordo com seu valor espiritual ou temático. Em uma pintura egípcia, por exemplo, o faraó fatalmente era representado em tamanho várias vezes maior que o de seus súditos.

Especialmente na arte medieval, a arte era entendidacomo um conjunto de símbolos, mais do que como um conjunto coerente. O único método utilizado para se representar a distância entre objetos era pela sobreposição de personagens. Esta sobreposição, apenas, criava desenhos pobres de temas arquitetônicos, de tal forma que o desenho de cidades medievais constituía-se, nestas representações, como um emaranhado de linhas em todas as direções e de formaincoerente.


[pic]


Flagelação de Cristo. Piero della Francesca. 1445 (?)


Cabe notar, também, que se por um lado a perspectiva foi apenas plenamente desenvolvida com os estudos do Renascimento, em um primeiro momento, e com a geometria descritiva no século XVIII, por outro lado já na arte grega encontram-se esforços de aproximação à sua problemática. Entre todos os povos cujas...
tracking img