perspectiva para um regionalismo critico

Páginas: 6 (1270 palavras) Publicado: 25 de novembro de 2014
UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO
TEORIA VI
ALUNA: EDUARDA JUNGMANN RODRIGUES
PROFESSORA: RENATA CABRAL
DATA: 10/11/2014



"PERSPECTIVAS PARA UM REGIONALISMO CRÍTICO" Kenneth Frampton



Para entender melhor o texto "perspectivas para um regionalismo crítico" é de fundamental importância conhecer seu autor. Kenneth Frampton é inglês, nascido e formado em arquitetura no ReinoUnido. Hoje, Frampton faz parte do time de acadêmicos da universidade de Colômbia, EUA. Além da carreira acadêmica, Frampton também trabalhou com inúmeros arquitetos ilustres e por conta dessa vasta experiência com a arquitetura, é um especialista quando o quesito é escrever livros e textos (essays), principalmente quando a abordagem é a arquitetura do séc XX. 

O texto, intitulado originalmente, eminglês, de "towards a critical regionalism" foi publicado em 1983 na coletânea "the anti-aesthetic: essays on post modern culture". Nele há um debate sobre um tema, que mesmo 30 anos depois é um assunto atual e que merece destaque. 

O termo "regionalismo critico" foi primeiramente usado por Alexander Tzonis e Liane Lefaivre para definir uma arquitetura que se opõe a falta de significado daarquitetura moderna, e logo em seguida Frampton o apropriou. 

Todas as ideias consistidas no texto são aprovadas pelos exemplos que mostram e fundamentam os seis pontos para uma arquitetura de resistência. Tais pontos são: 


1)cultura e civilização 
(comentário: é clara a importância para o autor do estudo da cultura da civilização aonde a arquitetura vai ser inserida. Ignora-las é um atestadode que a universalidade está acima da arquitetura)

2)ascensão e queda de vanguarda 
(comentário: perda do espirito de vanguarda, o espirito libertador da arquitetura, que para ele estava se perdendo no meio da globalização)

3)regionalismo crítico e cultura mundial 
(comentário: a influencia da cultura mundial, ou seja, o desenvolvimento do mundo causa um impacto na arquitetura,tornando, para o autor, necessária a existência de um regionalismo, que ponha em pratica o não esquecimento do entorno–regional, para ele a Igraja de Bagsvaerd de Utzon, perto de Copenhague é a síntese desse ponto)

4)a resistência da forma e lugar
(comentário: “entendimento do habitar e do limite enquanto elemento determinante, Frampton faz uma abordagem crítica da visão abstrata do espaço,apoiando-se em uma concepção material e existencial. Uma posição distante da forma urbana da Megalópole, distante da fluidez do espaço infinito, mas próximo de uma densidade cultural que possibilitaria múltiplas e profundas experiências, como galerias intrincadas nas quadras das cidades mais antigas”
Texto retirado da revista vitruvius)

5)cultura X natureza: topografia, contexto, clima, luz-forma etectônica
(comentário: “natureza tectônica da forma construída e a capacidade desta de transformar a superfície do terreno nos projetos” Frampton, sobre a forma do arquiteto Raimund Abraham, de usar a natureza do local, como algo que exalta a cultura do lugar)

6)o visual X o tátil 
(comentário: experiências nas obras de Alvaro Siza, onde os projetos são cuidadosamente assentados e escalonadossobre o terreno, exemplifica Frampton, como a mais pura abordagem tátil e material do que a visual e gráfica)

Mas por que a RESISTÊNCIA? O regionalismo crítico é justamente argumentações contra a perda da identidade para a universalidade. É a resistência ao "mesmo" 

"No mundo inteiro, em todos os lugares, encontramos os mesmos filmes de péssima qualidade, as mesmas máquinas caça-níqueis, asmesmas atrocidades (...) É este o problema crucial com que defrontam os países que emergem do subdesenvolvimento" Frampton.

Mas, a busca de Frampton é bem clara, o regionalismo que ele prega é um regionalismo “novo” e não a volta de uma arquitetura que já se foi. Não tem a intenção de uma arquitetura vernácula, mas sim uma arquitetura que usa dos inúmeros elementos da arquitetura de hoje para...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Regionalismo Critico
  • regionalismo critico
  • Regionalismo Critico
  • Regionalismo Critico
  • Regionalismo critico
  • regionalismo critico
  • regionalismo critico
  • O Regionalismo Crítico no mundo globalizado

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!