Personalidade dependente

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 10 (2500 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 27 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Transtorno de personalidade dependente
Araújo, Andrea Maria1; Albuquerque, Deyse1; Arcanjo, Gabrielev1; Leitão, Maria Cecília1; Palankof, Kelly1; Santos, Patrícia nogueira1; Marinho, Carlos2.
Resumo
O transtorno de personalidade dependente inicia na vida adulta e esta presente em uma variedade de contextos. Geralmente os indivíduos com esse transtorno têm os comportamentos dependentes esubmissos visam obter atenção e cuidados, surgem de uma percepção de si mesmo como incapaz de funcionar adequadamente sem o auxilio de outras pessoas. Os transtornos de personalidade podem surgir de diferentes maneiras, normalmente manifestam-se de duas das seguintes áreas: cognição, afetividade, funcionamento interpessoal e controle dos impulsos. O padrão é inflexível e abrange ampla faixa desituações pessoais e sociais, provoca sofrimento e prejuízo no funcionamento social ou ocupacional do individuo.

Palavras chave: transtorno; dependente; cognição; afetividade




Contexto histórico

Nos primórdios da civilização a idéia de doenças mentais estava relacionada aos deuses ou demônios. Na antiguidade foi onde buscou investigar as causas dos transtornos mentais. Na Grécia V a.c., ondesurgiu a primeira elaboração do conceito, Hipócrates atribuiu causas orgânicas aos transtornos mentais. Então os indivíduos eram classificados de acordo com as suas emoções e o seu temperamento. Hipócrates distinguiu quatro humores: sangue (sanguíneo), bile amarela (colérico), bile negra (melancólico) e linfa (linfático). Assim relacionando o temperamento com fatores biológicos. Para ele apersonalidade podia atingir uma interação perfeita das forças internas e externas, a crasis (grifo do autor). O excesso de humor corporal era o conflito dessas forças, a dyscrasia (grifo do autor). Ao longo do tempo, o pensamento grego discerniu entre soma e psique, razão e realidade. No fim do século XIX e início do século XX, transtorno de personalidade tinha o significado de desintegração daconsciência. Dois nomes foram de suma importância: Emil Kraepelin e Sigmund Freud (NUNES FILHO, 2005).
Emil Kraepelin diferiu a demência precoce, a dementia praecox (grifo do autor), que leva a alteração, da insanidade maníaco-depressiva, loucura maníaco-depressiva (grifo do autor), que preserva a personalidade. Em 1990 a publicação do livro A interpretação dos sonhos, de Sigmund Freud, trouxe o papelimprescindível do inconsciente para a compreensão da mente (NUNES FILHO, 2005).

Conceituando personalidade,
transtorno, normal e patológico

O conceito de personalidade pode ser entendido como uma organização dinâmica dos traços no interior do eu, cujo conjunto de padrões comportamentais que lhe são únicos é constituído a partir dos genes que herdamos e pela nossa vivência, a partir quepercebemos do mundo, o que nos torna singular na maneira de ser. Em cada ser humano existem características universais da pessoa, mas a forma como se combinarão será de maneira completamente singular, o aspecto do comportamento perdurável, a isto denomina-se de traços. A etimologia da palavra personalidade tem sua origem do latim personare, persona, que significa ressoar, máscara; e era empregadono teatro grego-romano. Dentro do teatro a persona referia-se à máscara, que era utilizada pelos atores com dupla função: caracterização de acordo com o personagem pretendido e amplificação da voz para a platéia. O termo personalidade também deriva do latim per se esse, que significa ser por si (CLAPIER-VALLADON, 1988).
Kurt Schneider (1923) considerava “anormal” as personalidades que estão forado “campo médio imaginável”, não passível da exata determinação. Personalidades psicóticas são aquelas que, em conseqüência de sua “anormalidade”, sofrem ou fazem a sociedade sofrer.
“Em contra partida, alterações de personalidade é adquirida habitualmente durante a vida adulta, seguindo-se a estresse grave ou prolongado, alterações ambientais extremas, transtorno psiquiátrico sério, doença...
tracking img