Perfil clinico e epidemiologico do hiv em idosos

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 11 (2729 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 17 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIVERSIDADE ESTADUAL DO MARANHÃO- UEMA
CENTRO DE ESTUDOS SUPERIORES DE SANTA INES-CESSIN
DEPARTAMENTO DE ENFERMAGEM BACHARELADO

SAULO PINHO DE LIMA

O PERFIL CLÍNICO E EPIDEMIOLÓGICO DO IDOSO ACOMETIDO PELO HIV/AIDS


Santa Inês
2011
SAULO PINHO DE LIMA

O PERFIL CLÍNICO E EPIDEMIOLÓGICO DO IDOSO ACOMETIDO PELO HIV/AIDS

Projeto de Pesquisa apresentado à disciplina deMetodologia da Pesquisa Científica do curso de Enfermagem Bacharelado da UEMA-CESSIN, para a obtenção parcial de nota.
Orientador: Prof. Sérgio Roberto

Santa Inês
2011
SUMÁRIO

1 APRESENTAÇÃO..........................................................................................................04
2 FORMULAÇÃO DO PROBLEMA..............................................................................06
3 JUSTIFICATIVA...........................................................................................................07

4 HIPÓTESES....................................................................................................................09

5OBJEITOVS....................................................................................................................10

5.1 GERAL....................................................................................................................10

5.2 ESPECIFÍCOS........................................................................................................10

6 FUNDAMENTAÇÃOTEÓRICA................................................................................11

7 METODOLOGIA..........................................................................................................13

8 CONCLUSÃO................................................................................................................14

9 CRONOGRAMA...........................................................................................................1510 REFERÊNCIAS............................................................................................................16




1 APRESENTAÇÃO
Com o início do século XXI, a AIDS completa vinte anos de existência cientificamente comprovada. O primeiro caso no mundo foi registrado nos Estados Unidos em meados da década de 1980, sendo descrito em 1981.Estima-se que em 2007 existiam 33,2 milhões de pessoas infectadas pelo HIV no planeta. No Brasil, considerando o curso clínico típico da infecção pelo HIV, que inclui um período prolongado de latência, deduz-se que a introdução do vírus tenha acontecido no final da década de 1970. Assim, na primeira metade da década de 1980, a epidemia manteve-se restrita a São Paulo e ao Rio de Janeiro. A partir dofinal da referida década, observou-se a disseminação da doença para as diversas regiões do país.
Os novos números da AIDS (doença já manifesta) no Brasil, atualizados até junho de 2010, contabilizam 592.914 casos registrados desde 1980 (M.S). A epidemia continua estável. A taxa de incidência oscila em torno de 20 casos de AIDS por 100 mil habitantes. Em 2009, foram notificados38.538 casos da doença.
Dessa forma, o Vírus da Imunodeficiência Humana (HIV) e a Síndrome da Imunodeficiência Adquirida (AIDS), têm sidos uns dos mais sérios agravos já enfrentados pela humanidade. A doença que, no começo acometia principalmente homossexuais masculinos e usuários de drogas injetáveis, está gradativamente alterando o seu perfil clínico e epidemiológico, mantendoatualmente como principais tendências: heterossexualização, Feminização, juventudilização e envelhecimento.
Com relação à tendência envelhecimento, verifica-se que a AIDS vem avançando na terceira idade. Segundo o Ministério da Saúde, o número de casos entre os idosos já supera o índice da doença entre os adolescentes de 15 a 19 anos. Tal problema é atribuído aos avanços tecnológicos da...
tracking img