Pedras e madeiras

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 18 (4436 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 12 de dezembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
de CONSTRUÇÃO

MATERIAIS

ROCHAS / Classificação
Metamórficas

Magmáticas ou Ígneas

Sedimentares

quartzito

mármore

intrusivas

extrusivas

clástica

orgânica

química

granito

basalto

arenito

calcário

estalagmites

de CONSTRUÇÃO

MATERIAIS

PROPRIEDADES TECNOLÓGICAS
_índices de qualidade; _parâmetros a serem utilizados nos cálculos de materiaispara construção civil; _especificações fixadas para os diversos tipos de emprego das rochas. _a presença ou teores de minerais alterados ou alteráveis, friáveis ou solúveis que possam comprometer seu uso, sua durabilidade e seu lustro; _a absorção d'água; _a porosidade; _o desgaste Amsler; _o coeficiente de dilatação térmica.

Menor Qualidade

de CONSTRUÇÃO

MATERIAIS

Maior Qualidade

_aresistência à compressão uniaxial; _o módulo de elasticidade; _a resistência ao impacto; _a resistência à flexão (módulo de ruptura); _a resistência ao congelamento e degelo.

DEGRADAÇÃO
(varia mediante diversos fatores)

TRATAMENTOS

a) ao uso a que está sujeita; b) a prevenção que é aplicada; c) a manutenção; d) o restauro.

revigoram os pisos, permitem o fechamento dos poros erestabelecem o brilho original da pedra

Vitrificação

Impermeabilização

Enceramento

Polimento

Restauro

de CONSTRUÇÃO

MATERIAIS

VITRIFICAÇÃO
_ processo utilizado para se obter um acabamento de alto brilho; _ para áreas sujeitas a grandes movimentações e que necessitem manter um brilho constante tal como recepções de hotéis, halls de entrada de edifícios, hospitais, etc. _implica autilização de produtos químicos que, através da ação de lã de aço provoca a vitrificação do substrato da pedra. Isto é apenas possível em pedras sedimentares, como os arenitos, e pedras metamórficas, como o mármore. Pedras ígneas ou magmáticas, como o granito, não é possível.

POLIMENTO
_ regulariza a superfície por meio de um processo de desgaste mecânico até a recuperação do brilho natural,eliminando as manchas.

de CONSTRUÇÃO

MATERIAIS

IMPERMEABILIZAÇÃO
_ cabe a pisos novos ou polidos, ou, ainda, com pouco sinal de desgaste. A pedra natural é porosa e sem uma proteção adequada absorverá líquidos entornados que, na maior parte das circunstâncias, vai manchar. Até água de torneira contêm minerais, sais e geralmente cloro. Todos estes elementos são potencialmente prejudiciaispara a pedra. As superfícies em pedra natural, principalmente pavimentos devem ser selados para proteção e realce da sua beleza natural.

ENCERAMENTO
_ é um processo de revestimento e embelezamento de pavimentos que faculta alguma proteção contra derrames e riscos de tráfego; _não deve ser encarado como um tratamento definitivo para efeitos de prevenção de desgaste. A cera também irá sofrerdesgaste e perder brilho. A espessura da cera irá progressivamente tornar-se mais tênue até a reexposição da pedra a ação dos elementos de desgaste; _ não dispensa manutenção mais ou menos regular e por vezes poderá ser necessária a remoção integral da cera com produtos decapantes

de CONSTRUÇÃO

MATERIAIS

adequados para reposição do enceramento; _existem vários tipos de ceras em váriascores, para aplicação mecanizada ou manual, cada uma direcionada para um ou vários tipos de pedra e acabamentos. _o acabamento varia em grau de brilho desde o metalizado ao mate. Além de um acabamento bonito o enceramento proporciona uma camada retardadora de desgaste adicional no pavimento previamente impermeabilizado.

RESTAURO
_ e feito à base de produtos químicos, que retiram o excesso desujeira e ceras, além de manchas superficiais.

MANUTENÇÃO
_ qualquer pedra, vitrificada, impermeabilizada ou polida necessita um bom plano de manutenção para preservar e retardar procedimentos de restauro por um longo período de tempo. As intervenções de manutenção poderão ser de alta ou baixa freqüência.

de CONSTRUÇÃO

MATERIAIS

PEDRAS / PEDREIRAS

de CONSTRUÇÃO

MATERIAIS...
tracking img