Pedagogia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 9 (2222 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 5 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Erradicação do Analfabetismo
Estamos vivendo a era da informação e das tecnologias avançadas, contudo estamos cercados de analfabetos. 20% da população mundial adulta (acima de 15 anos) não sabe ler e escrever. No Brasil, são 15 milhões de analfabetos absolutos (10%). No Maranhão 20% da população é analfabeta e em São Luís 4,51%.
É inacreditável que, em pleno século 21, o mundo ainda tenhatantos analfabetos. Isto é um gravíssimo problema social que precisa ser sanado urgentemente. A ONU lançou em 2003 a Década da Alfabetização e definiu metas personalizadas dentro de seu segundo objetivo de desenvolvimento do milênio – ODM para acompanhamento da evolução de combate ao analfabetismo até 2015. Porém, a ONU, especificamente a Unesco, só considera um território livre do analfabetismoquando este tem uma população alfabetizada acima dos 96%. Isto é, a população analfabeta tem que ser abaixo dos 4%.
Assim, apesar dos avanços realizados na última década, São Luís ainda não atingiu a meta principal dos 4% de analfabetos e, portanto ainda não pode ser considerado território livre do analfabetismo mesmo estando muito próximo da meta.
Um dos pontos considerados mais fortes do ProgramaSão Luís 400 Anos para as comemorações dos 400 anos da fundação de São Luís lançado pela Prefeitura em Março deste ano é a erradicação do analfabetismo e o combate à miséria na Capital Maranhense. Seria de fato um belo presente para cidade em seu quadricentenário.
O analfabetismo é uma questão crônica e é um dos fatores da vulnerabilidade social. Pois como é que a população analfabeta vai serabsorvida pelo mercado?. Assim, o analfabetismo entre adultos é uma questão que deve envergonhar cada um de nos.
Combater o analfabetismo exige compromisso, dedicação e muita vontade política por parte de nossos governantes. Assim. O desafio é grande, mas várias ações estão sendo tomadas pela prefeitura de São Luís e vamos comemorar muito no ano que vem, 400 anos após a sua fundação, nossa capitalserá de fato um território livre do analfabetismo com um reconhecimento mundial.
Entretanto, a situação do Maranhão é gravíssima, pois uma a cada cinco pessoas é analfabeta. O Maranhão é o terceiro pior estado da federação em alfabetização. Precisamos de uma grande campanha de erradicação do analfabetismo no Estado. Quando falo de campanha de erradicação, penso na definição de metas e prazos. Épreciso também envolver parceiros como as prefeituras, ONGs, igrejas, famílias mobilizando todos para atingir este grande objetivo.
Os números se agravam quando o assunto é analfabetismo funcional e muito mais ainda quando é analfabetismo digital. O analfabeto funcional é aquele que sabe ler, mas não consegue interpretar o que ele está lendo e, portanto não entende o que ele está lendo. Um em cadacinco brasileiros acima de 15 anos (20,3%) é analfabeto funcional, ou seja, mais de 20 milhões da população adulta.
O combate à fome, o combate ao analfabetismo e a busca por melhores condições de vida tem avançado bastante no Brasil graças principalmente aos avanços educacionais e tecnológicos que o país tem conseguido nos últimos anos. No entanto, ainda há um longo caminho a ser trilhado.Apesar dos esforços do Governo federal, os investimentos na educação precisam ser melhorados. O Brasil investe apenas 5,8% de seu PIB na Educação enquanto outros países em desenvolvimento investem cerca de 15 % do PIB. Acredito que o investimento na educação deve ser elevado imediatamente a pelo menos 7% do valor do PIB e chegar nos próximos anos a 10%.
Outras considerações importantes é que de nadaadianta tirar as pessoas do analfabetismo se elas não consigam avançar na sociedade. É preciso pensar em um programa que lhes traz uma verdadeira inclusão social (cidadania, profissionalização, possibilidades de emprego, etc.). É por isso que dentro do programa São Luís 400 Anos, os projetos de erradicação do analfabetismo e de combate à pobreza caminham juntos, pois o combate à pobreza passa...
tracking img