Pdvc

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1385 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 21 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIVERSIDADE PAULISTA

DICIPLINA
PDCV
PROFESSORA:



FERNANDA RISSO



TRABALHO DE ATIVIDADE PRÁTICA SUPERVISIONADA
DESENVOLVIMENTO DO CICLO VITAL
12 Á 24 MESES












ARARAQUARA-SP
2013



TRABALHO DE ATIVIDADE PRÁTICA SUPERVISIONADA
DESENVOLVIMENTO DO CICLO VITAL
12 Á 24 MESES


SUMÁRIO

INTRODUÇÃO 04
1. OBSERVAÇÃO 05
2. DADOS TEÓRICOS 06
4.DISCUSSÃO 07
3. CONSIDERAÇÕES FINAIS 08
4. REFERÊNCIAS 09
5. ANEXO I – Termo 10
ANEXO II– Carta Assinada 11




Introdução.

O objetivo do trabalho de Atividade Prática Supervisionada é observar o desenvolvimento físico, perceptual, cognitivo, linguagem, moral e social de crianças de um a dois anos.

A observação foi feita com apenas uma criança, observada em seu ambiente familiar,filho único e de mãe solteira, mora com os avós, a mãe e um tio, e nos finais de semana visita seu pai.
O E. é uma criança que está com estatura boa para a sua idade, cabelos loiros, olhos azuis e pele clara.
A observação foi discutida e associada com a parte teórica, chegando a uma conclusão final.
Data da observação: 25-03-2013.
Nome: E.M.M
Idade: 23 meses (1 ano e 11 meses).
Altura: 95centímetros.
Peso: 12,5
























Observações:
A criança observada não dispõe de deficiências.
Quando chegamos á casa dele, ele acompanhou a avó a nos receber, a mãe não estava presente, apenas a avó e o avô, fomos para a sala de visita e no início da observação a criança pegou os brinquedos ( carrinhos ) e começou a brincar .
Ao ouvir a música de um brinquedoa criança mexe as mãos olhando para o alto com a boca aberta. Pegou outro carrinho e jogou-o com força no chão e gritou. Subiu no sofá e gritou mais alto, desceu, pegou e jogou a bolinha no chão e de novo subiu no sofá, pegou a bolinha novamente, jogou e começou a gritar. Pegou outra bolinha, jogou no chão e o movimento da bola atingiu seu rosto, ficou quieto, olhou para a avó, disse: “pegou noolho, ta doendo, tem que passar pomadinha pra sarar o nenê da vovó e do vovô”.
Ele olha e observa o que eu estava fazendo (escrevendo) , quando um dos observadores entrega a bolinha para ele os avós dizem para a criança dizer obrigado, mas ele olha para a TV e não diz nada. Ele brinca com a cortina, responde o que o avô pergunta depois corre para a estante da TV pedindo para o avô colocar a“galinha amarela”, o avô tenta distraí-lo com outras cantigas infantis, mas ele pede novamente para colocar a galinha amarela ,depois aperta o botão do brinquedo musical e abaixa, coloca o dedo na boca, pega o carrinho e joga com força no chão.
Corre para o sofá e bate nele constantemente, ouvindo a variação do som que as batidas fazem. Fala a programação da TV conforme o avô pergunta que horas passaráo desenho animado. Os avós perguntam da novela e ele fala “Caribe” com a mão na boca ,ele move as mãos para baixo e para cima, fazendo sons com a boca .
Ele sai da sala e corre para a cozinha procurando a bolinha, volta correndo sorrindo , olhando fixo para a bala que a avó está na mão. Vai para o sofá e mexe no brinquedo e fala do controle da TV “controle pra vó Sueli”, bate no sofá, com o dedona boca, babando de propósito (está com a bala na boca).
Olha para o objeto desconhecido (estojo de um dos observadores), mas não toca, volta-se para a TV e tenta pronunciar o que dizia a propaganda, mas não consegue dizer “Flor do Caribe”, diz “Caribibibi”, com um sorriso. Ouve a TV falando da novela “LADO A LADO” e diz que vai passar “lado a lado”, o avô pergunta o que está passando na TV(jornal nacional) e ele diz “moça bonita”.
Vai até a estante da TV bate na madeira da estante e acompanha o som das batidas com a voz, fazendo sons de ê (êêêêê). Assiste a TV e vê o carro vermelho e fala “carro vermelho”, vê o carro da polícia e fala “a polícia”, vem do meu lado em pé, perto ao sofá e olha pra mim batendo no sofá, vê que o estojo se mexe e faz barulho conforme a batida e bate...
tracking img