Pau brasil

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1150 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 12 de maio de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
PAU - BRASIL

[pic]

Nome Científico: Caesalpinia echinata
Família: Leguminosae-caesalpinoideae
Nomes Populares: ibirapitanga, orabutã, brasileto, ibirapiranga, ibirapita, ibirapitã, muirapiranga, pau-rosado e pau-de-pernambuco.
Origem: Mata Atlântica

Quando chegaram ao Brasil, os portugueses se depararam com uma árvore que produzia um corante vermelho utilizado na indústria têxtil euma madeira resistente de cor forte e muito semelhante a brasas em fogo, portanto, era natural que colocassem o nome de Pau–Brasil.

Até 1530, o Pau–Brasil foi a única riqueza explorada na nova terra descoberta, sendo inclusive, responsável pela instalação da primeira forma de organização administrativa realizada pelo Governo Português, cujo objetivo era afastar a ameaça de perda das terrasdescobertas para outros países que também exploravam o comércio dessa planta.
A exploração da cana–de–açúcar, após a instalação das capitanias hereditárias, não diminuiu o ciclo da exploração do Pau–Brasil, na verdade, um ciclo conviveu com o outro durante séculos. Sendo o comércio do Pau–Brasil monopólio da Coroa Portuguesa e, pela necessidade dessa Coroa levantar recursos financeiros imediatos, amesma impedia, muitas vezes, o embarque do açúcar brasileiro e o substituía pelo embarque do Pau–Brasil.
A importância econômica do Pau–Brasil foi de tal ordem que a partir de 1511, na Europa, já não mais se referiam a esta localidade como Terra de Santa Cruz e, sim, Terra do Brasil e logo em seguida apenas Brasil.
O Pau–Brasil foi explorado durante 375 anos ininterruptos de forma desordenada eselvagem, o que veio a provocar o seu atual estado de extinção do habitat natural, pois se estendia na faixa litorânea brasileira desde o Estado do Rio Grande do Norte até o Estado do Rio de Janeiro.
A exploração do Pau-brasil marca o início da destruição da Mata Atlântica:
O valor do pau-brasil era tão alto para o padrão do comércio da época, que nos primeiros cem anos de colonização foramderrubadas 2 milhões de árvores de pau-brasil, isto é, cerca de 50 por dia. Por volta de 1558 os indígenas tinham que se afastar aproximadamente 20 km da costa para encontrar a árvore.
P.S.: Se a gente imaginar que o pau-brasil tinha incidência média nas baixadas costeiras, sendo 4 árvores por hectare, cada uma delas com 50 cm de diâmetro em ponto de cortar, podemos afirmar que em 100 anos foramdestruídos 6.000 km de Mata Atlântica.


Mata Atlântica , o que é?
A Mata Atlântica, na verdade, são várias matas que têm em comum o fato de estarem próximas ao oceano Atlântico e em áreas de campos e mangues. São lugares bastante úmidos, onde chove muito durante todo o ano. Isso garante a permanência constante de rios e riachos e a imensa manutenção da variedade de espécies vegetais eanimais, ou seja, a biodiversidade.
Por causa das condições exclusivas que a floresta proporciona, muitos animais só são encontrados na Mata Atlântica, um refúgio para espécies que, fora dela, já teriam desaparecido.
Da exuberância à devastação.
Os primeiros desbravadores das terras tupiniquins descreveram, durante anos, a Mata Atlântica como uma floresta intocada, de enorme riqueza natural, que levoumuitos dos que aqui chegaram no início da colonização a acreditar que o “paraíso na Terra” estava nas Américas.
A floresta era ocupada por grupos indígenas tupis relativamente numerosos, como os tupinambás, que já praticavam a agricultura, mas em perfeito estado de harmonia com a vida vegetal e animal.
Em contrapartida, a relação do colonizador com a floresta e seus recursos foi, desde oinício, predatória. Os colonos não percebiam a importância dos benefícios ambientais que a cobertura florestal nativa trazia, além de serem motivados pela valorização da madeira e do lucro fácil. Esses fatores levaram à supressão de enormes áreas da floresta para a expansão de lavouras e assentamentos urbanos e à adoção de práticas de exploração seletiva e exaustiva de espécies como o pau-brasil — o...
tracking img