Patristica e escolatica

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (320 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 24 de julho de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Patristica e Escolastica
Introdução

Na idade media houve duas correntes educacionais que inspiraram a forma de educar o povo deste período, a Patrística que consistia na elaboração doutrinal dasverdades de fé do Cristianismo e na sua defesa contra os ataques dos "pagãos" e contra as heresias e a Escolástica que surgiu da necessidade de responder às exigências da fé, essas duas correnteseducacionais filosoficas são duas formas da igreja manipular da forma como quisesse seu poder dentro da sociedade, porém não devemos deixar de mostrar que apesar de serem duas correntes que manipulavam,foram tambem as únicas formas de transmitir ao povo (geralmente o clero) o saber e desta forma passar para os dias de hoje os ensinamentos daquela época.

Essas duas correntes foram de extremaimportancia para que a famosa expressão Dark Ages não fosse mesmo o segundo nome da idade média, pois nesses doid tipos de correntes houveram pensamentos que perduram até hoje

Então no decorrer dotrabalho essas duas visões serão discutidas de formas mais aprofundadas e como elas influenciaram para a questão da práxis nos dias de hoje.

A Dark Ages, Idade Média a idade das trevas?

Chama-se IdadeMédia o período da história européia compreendido aproximadamente entre a queda do Império Romano do Ocidente e o período histórico determinado pela afirmação do capitalismo sobre o modo de produçãofeudal, o florescimento da cultura renascentista e os grandes descobrimentos.

A Idade Média divide-se em duas etapas bem distintas: a alta Idade Média, que vai da formação dos reinos germânicos, apartir do século V, até a consolidação do feudalismo, entre os séculos IX e XII; e a baixa Idade Média, que vai até ao século XV, caracterizada pelo crescimento das cidades, a expansão territorial eo florescimento do comércio.

Considerada desde o Renascimento como período obscurantista e decadente, só em meados do século XIX a Idade Média passou a ser entendida como etapa necessária da...
tracking img