Para entender o texto

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 10 (2335 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 3 de dezembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Niveis de leitura de um texto.
O texto se estrutura em níveis de abstração crescente. Os três níveis de leitura distinguem-se um do outro pelo grau de abstração: o primeiro nível depreende os significados mais complexos e mais concretos; o terceiro nível depreende os significados mais simples e abstratos.
As diversidades se manifestam no nível da superfície do texto, e a unidade seencontra no nível mais profundo.
Desse modo, pode-se imaginar que o texto admite três planos distintos na sua estrutura:
1) uma estrutura superficial, onde afloram os significados mais concretos e diversificados. É nesse nível que se instalam no texto o narrador, os personagens, os cenários, o tempo e as ações concretas;
2) uma estrutura intermediária, onde se definem basicamenteos valores com que os diferentes sujeitos entram em acordo ou desacordo;
3) uma estrutura profunda, onde ocorrem os significados mais abstratos e simples. É nesse nível que se podem postular dois significados abstratos que se opõem entre si e garantem a unidade do texto inteiro.
Os três níveis que compõem a estrutura do texto são designados pela seguinte nomenclatura:
• Nível maissuperficial: estrutura discursiva
• Nível intermediário: estrutura narrativa
• Nível mais profundo: estrutura profunda


Estrutura profunda do texto.

Por mais simples que o texto pareça, normalmente o leitor se defronta com a dificuldade de encontrar unidade por trás de tantos significados que ocorrem na sua superfície.

O texto pode admitir três planos distintos na sua estrutura:superficial (discursiva); intermediária (narrativa) e profunda (nível profundo).

A estrutura profunda do texto geralmente expõe as oposições tipo: vida x morte; civilização x natureza; liberdade x submissão, etc.




Estrutura Narrativa (I)

Aborda a transformação de estados presente em qualquer texto e define o que se costuma chamar de narratividade e constitui um dos níveis deestruturação do texto sentido do texto. Os enunciados que ocorrem na estrutura narrativa são: enunciados de estado (estabelece uma relação de posse ou de privação entre um sujeito e um objeto qualquer), e enunciados de ação (que em razão de participação de um agente qualquer, indicam a passagem de um enunciado de estado para outro). Raramente, um texto é formado de um enunciado único: nele searticulam vários enunciados. É preciso entender o modo como os enunciados simples se articulam entre si, para formar seqüências narrativas. Dentro da estrutura narrativa, os enunciados podem ser agrupados em quatro fases distintas: MANIPULAÇÃO (um personagem induz outro a fazer alguma coisa. O que vai fazer precisa: querer ou dever); COMPETÊNCIA (o sujeito do fazer adquire um saber e um poder);PERFORMANCE (o sujeito do fazer executa sua ação); SANÇÃO (o sujeito do fazer recebe castigo ou recompensa). No caso da manipulação, o manipulador pode usar de vários expedientes para induzir um personagem a agir: um pedido, uma ordem, uma provocação, uma sedução, uma tentação, uma intimidação, etc. O manipulador pode ser um personagem isolado, um personagem coletivo e, é possível que um personagem imponhaa si próprio uma obrigação. Pode ainda ocorrer que o manipulador seja um ser animado ou inanimado. Esse esquema não aparece nas narrativas com a simplicidade exposta, é possível que uma dessas fases fique pressuposta ou que, num texto narrativo, ocorra o encadeamento de várias seqüências. Outras complicações podem ocorrer, um personagem pode ser manipulado por dois personagens distintos comintenções opostas; pode haver dois tipos opostos de sanção: um personagem é castigado por um grupo e premiado por outro. Quando alguma das fases citadas não ocorre explicitamente, é preciso levar em conta que os elementos do esquema pressupõem-se logicamente. Para fazer alguma coisa, o sujeito precisa querer e/ou dever fazê-la e saber e poder fazê-la. Depois de fazê-la, o seu fazer é avaliado. Quando...
tracking img