Paper

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 13 (3189 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 15 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
INCLUSÃO DE DEFICIÊNTES AUDITIVOS

Leiliane Soares
Prof.ª Cristiane Bettiol Parussolo
Centro Universitário Leonardo da Vinci – UNIASSELVI
Licenciatura em Ciências Biológicas (BID0157) – Educação Inclusiva
06/12/2011

RESUMO

A deficiência auditiva é uma perda parcial ou total das possibilidades auditivas sonoras, variando em graus e níveis. A surdez pode ser classificada como unilateral, quandose apresenta em apenas um ouvido e bilateral quando se acomete nos dois ouvidos.
As principais causas que levam a surdez são: Antecedentes familiares de deficiência auditiva, infecções congênitas suspeitadas ou confirmadas através de exame sorológico ou clinico (toxoplasmose, rubéola, citomegalovirus, herpes e sífilis).
Para incluirmos um aluno com deficiência auditiva na escola comum, a escolaprecisa ter recursos que tornem viável o processo de inclusão como, por exemplo: Material concreto e visual de apoio parar garantir a assimilação de conceitos novos, professores capacitados, assessoria em relação à língua de sinais.
A educação tem ocasionado interpretações errôneas, sobre a surdez e em especial para a prática pedagógica do ensino dos alunos com deficiência auditiva, outra forteevidência é sobre a questão da inclusão social, pois abre um significado importante no bojo da política educacional brasileira.

Palavra-Chave: deficiência auditiva, escola, surdez.

Introdução
Se o sujeito nasce surdo, na ausência do som ele aprenderá a se comunicar, no meio familiar utilizando uma língua gestual, se estimulado pelos pais, mais tarde tornará essa língua mais estrutural e irátorná-la mais complexa à medida que adquirir novos conceitos, em termos didático-pedagógicas estará desenvolvendo sua capacidade de aprendizagem, forma-se a estrutura, o léxico e a semântica dessa língua, tornado-a como primeira língua natural, neste caso seria a Língua Brasileira de Sinais (Libras).
Goldfeld (2001), nos alerta que a importância da linguagem proporciona trocas
culturais, de importânciaespecial, pois o homem está inserido num contexto
evidentemente social, evidenciando então que a linguagem é um fator não apenas lingüístico, mas também cultural, neste dizer: o sujeito social tem que estar interagindo, em primeiro plano culturalmente e em segundo linguisticamente para que seja percebido pelo seu meio e pelos seus pares.
Sá (1999) nos brinda dessa forma com uma série de razõespara defender a tese de que, o sujeito surdo, vive cercado de privações por falta exclusiva da troca de comunicação, ora causada por imposição ao ensino oralista, por falta do domínio de uma linguagem gestual visual como a Libras.
Conseqüências disso são as imposições dos pais para que os filhos tenham
acesso ao direito de aprender, a linguagem oral, e não ao contrário, perpetua-se assim, no sujeitosurdo o estigma da incapacidade, de aprender conteúdos e um currículo que em nada lhes diz respeito.
Entretanto, se o meio externo (escola/professores), não tiver um preparo
adequado para lhe transmitir esses conteúdos, conhecendo diferentes formas de transmitir-lhes, o saber, deixará muito a desejar, nos dois sentidos para aquele que aprende e aquele que ensina num processo de trocas nos maisvariados níveis de aprendizagem.
Analisando o texto de Sá acima, temos que a linguagem é um processo de transmissão natural e espontânea, e não imposto, por causa disso temos milhares de sujeitos surdos incapazes de compreender, seu meio por imposição de conceitos dos padrões da língua oralista.
É de primordial importância que se adquire uma linguagem, qualquer que seja pelo processo de interaçãocom outros sujeitos, processos estes que devem se perpetuar em nossas escolas, grupos de convivência, associações, em nossos lares, oferecerem aos surdos acessos a língua de sinais, deve ser uma das principais questões a serem discutidas no nosso dia a dia.

Conceito de Surdez
Conceituar surdez num determinado contexto histórico, social ou educacional não
é uma tarefa simples, pois requerem...
tracking img