Paper sobre ensino religioso

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1879 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 31 de março de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
ENSINO RELIGIOSO

--/--/--
---/---/----
Centro Universitário Leonardo da Vinci – UNIASSELVI
PED 8451-Prática Pedagógica
06/02/2010



RESUMO

O ensino religioso não trata apenas de religião, mas se compõe de varias peças, que são consideradas chaves, para uma compreensão. Para entender e aprender de certa forma algo sobre o Ensino Religioso, é preciso entender o seu significado, etudo o que ele abrange, não contendo só a Religião em seu conteúdo, mas envolvendo assuntos do dia-a-dia, e até mesmo situações que ao decorrer dos tempos vão acontecendo. Para mudar um pouco, é preciso trazer questões que chamem atenção, e que façam eles pensar o porque do ocorrido,o que isso tem haver com o ensino religioso. E se formos pra pensar basicamente tudo tem algo haver com EnsinoReligioso, isto é, não só ensino religioso, mas abrangem diversas matérias.

Palavra-Chave: Educação; Religião; Professores.



1. INTRODUÇÃO


O Ensino religioso é mais do que aparenta ser, isto é, um componente curricular em escolas. Este mesmo é visto como apenas uma matéria que visa, passar apenas sobre religiões, e sempre desfavorecendo uma, mas não, o ensinoreligioso abrange muitos assuntos, todos tem sua importância.

Ensino religioso não vem através da escola querendo estabelecer uma diferença entre religiões, ou criticar o que esta acontecendo. Por que ela não trata somente das religiões, e sim do que acontece a nossa volta de certa forma (assistência social, a própria educação, mostrando todas as religiões existentes).Resumindo o trabalho, em certa parte fala de como era o estudo antigamente e comparando como está hoje. Colocando como era antes e como é agora. A questão do respeito, a educação que vem de casa e é passada para as outras crianças. Em certa parte fala diretamente sobre objetivos, quando iniciou, quem começou com o ensino religioso no Brasil, e quando mais ou menos ele foi aceito nasescolas.

A grande novidade a ser introduzida é que o Ensino
Religioso deverá ser tratado como disciplina do
sistema de ensino, cujos conteúdos deverão primar
pelo conhecimento religioso que forme consciências
e atitudes anteriores a qualquer opção religiosa."
(Joel de Holanda, PE).




2 O ENSINO RELIGIOSO NO BRASIL.


O ensino religioso surgiu no Brasil, em1549, trazido pelos missionários da Companhia de Jesus. Eram esses, missionários, os responsáveis pelo ensino, educação dos aristocratas, negros e índios.

Este ensino era chamado de catequese, e vinha de um tratado entre o Rei de Portugal juntamente com a Igreja Católica.

A partir de 1580 outra ordens (religiões) vieram, e com isso o ensino dos Jesuítas prevaleceram até 1759. Atéque um dia o Marques De Pombal resolveu que eles deveriam ser expulsos, para ele conseguir prevalecer um estudo que se distanciava da realidade do Brasil naquela época, seria como uma técnica Européia de ensinamentos, técnicas diferenciadas, que fugiam da realidade do Brasil, como já mencionado anteriormente.

Bom, com esta técnica não foram levado em conta à tradição religiosa dos índios enegros, a questão era passar um ensinamento, mesmo que fora das condições dos próprios. Em 1808, com a chegada da família Real ao Brasil, surgiram novos elementos, e a partir daí foram criadas instituições acadêmicas voltadas principalmente para a Elite.

No Período imperial foi instaurada a monarquia constitucional (1822-1889). A Igreja Católica foi mantida como religião do estado. Assimo ensino religioso tornou-se do Imperador (parecendo ser uma propriedade e não um ensino).

Assim era usado na escola catecismos, baseado nos pensamentos de Concilio de Trento, prevalecendo assim, a Tradição Romana. Em 1889 com a proclamação da Republica, estabeleceu-se a separação entre estado e Igreja.

“O Ensino Religioso será de freqüência facultativa e...
tracking img