Papel da logistica na vale

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 21 (5183 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 17 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Sumario
• Introdução ................................................................................................................. 1
• Infraestrutura no Brasil .................................................................................. 2
• Eliezer Batista ............................................................................................... 3
• Exportações de Minério deFerro .................................................................. 5
• A Vale Atual .............................................................................................................10
• Investimento da Vale em Logística ...............................................................13

•Conclusão......................................................................................................20

• Referências Bibliográficas ........................................................................... 21
























Introdução

Nesta pesquisa demonstro-se que a Vale dispõe de uma grande infraestrutura logística para assegurar o escoamento de sua produção com agilidade eeficiência e que com a privatização da empresa que se deu em 1997 tal infraestrutura se mostrou muito eficiente ate os dias atuais, com trabalho e investimento no setor . O diferencial é ter um sistema integrado, que liga minas a ferrovias, ferrovias a portos e portos à navegação. Os ativos portuários, marítimos e ferroviários na Argentina, no Brasil, na Indonésia, em Moçambique e em Omã. Além deapoiar as atividades de mineração, a infraestrutura logística também oferece serviço de transporte de carga para terceiros. Também oferece serviço de trem de passageiros em duas linhas ferroviárias, a Estrada de Ferro Vitória a Minas e a Estrada de Ferro de Carajás.
A logística, então, tem que ser entendida com duas visões: a de movimentação e a de planejamento. “A Vale não titubeia, não pisca oolho”, (Eduardo Bartolomeo, diretor executivo de Operações Integradas da Vale). A razão do sucesso da Vale é logística e agressividade no investimento e isso só é obtido com um planejamento de investimentos coordenados ao longo dos anos nos portos, ferrovias e minas até as decisões do dia a dia, que permitem esta eficiência.












Infraestrutura no Brasil
A Vale é a empresaque mais investe em logística no Brasil, contribuindo para o crescimento das exportações brasileiras. A infraestrutura privilegiada, por meio da chamada cadeia integrada, leva os produtos desde a mina, passando por ferrovias e conectando o interior do país aos portos, viabilizando o escoamento de cargas de diversos setores produtivos.
A malha ferroviária da Vale possui mais de 10 mil quilômetrosem operação. São quatro estradas de ferro: Ferrovia Centro–Atlântica (FCA), Estrada de Ferro Vitória a Minas (EFVM), Estrada de Ferro Carajás (EFC) e Ferrovia Norte–Sul (FNS). A Vale também detém 45,8% do capital da MRS Logística, empresa que transporta este minério de ferro do Sistema Sul a terminais marítimos no estado do Rio de Janeiro.
Dois complexos portuários utilizam tecnologia de pontapara o escoamento seguro e eficiente de nossa produção. São eles: o Complexo de Tubarão, principal complexo portuário de nossa empresa, no Espírito Santo, e o Complexo Portuário do Sul, no Rio de Janeiro. Também operamos terminais marítimos em Ponta da Madeira, no Maranhão; Inácio Barbosa, em Sergipe; e Santos, em São Paulo, mas nada disso teria acontecido se Eliezer Batista não tivesse participadodesta história. Os ativos portuários, marítimos e ferroviários na Argentina, no Brasil, na Indonésia, em Moçambique e em Omã.

Eliezer Batista
O Brasil do início dos anos 60 era um 'fazendão' com exportações de US$ 1 bilhão ao ano em produtos como café, açúcar e cacau. Sem importância no comércio mundial, era uma odisséia para o país fechar contratos de exportação de longo prazo. Em 1962,...
tracking img